Ambrosia Autores Publicações por Vivian Pizzinga

Vivian Pizzinga

Vivian Pizzinga
87 PUBLICAÇÕES 0 COMENTÁRIOS
Vivian é escritora e psicanalista. Lançou dois livros de contos (A primavera entra pelos pés, 2015; Dias roucos e vontades absurdas, 2013), ambos pela Editora Oito e Meio.
Inspirado na poesia de Adélia Prado, o espetáculo Adélia, com direção de Renato Farias, vai chegando ao final de mais uma temporada no Rio de Janeiro, na Sede das Cias. Três atrizes em cena, Bela Carrijo, Fernanda Boechat e Gaby Haviaras, acolhem o público enquanto as pessoas vão chegando...
Esta não será uma resenha isenta, é impossível não mencionar os fatos recentes da triste política nacional. Não depois de uma farsa levada a cabo na Câmara dos Deputados, onde políticos sabidamente corruptos aprovam o impedimento de uma presidente eleita legitimamente e onde um dos deputados dedica seu voto...
Após os momentos iniciais do espetáculo, em que atores exploram corpo, espaço, objetos e movimentos no palco, a luz se apaga e o teatro fica por alguns instantes imerso na escuridão. O tempo vai passando e nada acontece, apenas breu. O que percebo, na sequência, é certo zunzunzum: algumas...
Myrna. Esse era o pseudônimo de Nelson Rodrigues em suas crônicas no Correio da Manhã, voltadas a assuntos sentimentais, geralmente femininos. Assim, o divertidíssimo monólogo Myrna Sou Eu – Consultório Sentimental de Nelson Rodrigues, com direção, adaptação e roteiro de Elias Andreato, surge exatamente dessa personagem, que responde às...
Em 1935, Noel Rosa criou o personagem Laurindo na letra de seu samba Triste Cuíca e, posteriormente, outros sambistas de peso, como Herivelto Martins, Wilson Baptista e Heitor dos Prazeres, lançaram mão do personagem em suas composições. Laurindo então ganhou vida e, aproveitando a ideia e enriquecendo mais ainda...
“Sou ruim, mas não sou perversa”. Essa é uma das tantas frases cheias de verdade e força que o belo monólogo Estamira – Beira do Mundo, dirigido por Beatriz Sayad, que acaba de estrear no Teatro Poeira, nos oferece. É uma frase dita por Estamira, personagem real já eternizada...
A Tropa, com direção de César Augusto, parte de uma premissa ótima e não poderia ser mais atual. Um pai internado e à espera dos resultados dos exames para receber alta, sua ideologia conservadora e militarista que se refere ao golpe militar como revolução, e os quatro filhos, que...
Quando assisti ao filme Incêndios, de Wajdi Mouawad, talvez há cinco anos, fiquei absurdamente impressionada com a força daquela história e com as magníficas interpretações que tornavam a narrativa ainda mais forte do que já era. O filme foi indicado ao Oscar de filme estrangeiro não à toa. O destino,...
Após três passagens pelo Rio de Janeiro, onde permaneceu por nove meses com ingressos esgotados com mais de um mês de antecedência, uma temporada de 4 meses no Teatro FAAP e uma turnê pelas cidades de Curitiba, Florianópolis, Recife e Uberlândia, Incêndios retorna ao Rio de Janeiro, dia 18 de...
Quando um espetáculo procura tratar do colapso do eu através da perda paulatina da memória característica de doenças neurodegenerativas, além de outras perdas e mudanças comportamentais igualmente características dessas condições médicas, já podemos ficar mais interessados, pois estamos falando de um tema instigante por si só e que, além...
Onde está meu coração?, de Geny Vilas-Novas, lançado pela 7Letras em 2015, é um livro de memórias. Trata-se do terceiro livro da autora e fala de família, saudade e separação. A Mãe, que perdeu o coração, ou ao menos não o sente mais batendo no peito, roda em torno...
Não sei se todas, mas eu e algumas mulheres têm constantemente a impressão de que quando os rapazes, marmanjos, meninos, homens enfim, se engalfinham em brincadeiras que parecem ser meio violentas, pelo menos do ponto-de-vista de cá, eles estão, através da “lutinha” que promovem entre si, fazendo nada mais...
Cinco Graças (Mustang, 2015), dirigido pela estreante Deniz Gamze Ergüven, retrata cinco irmãs em um vilarejo na Turquia, a 1000 Km de Istambul. Elas estão entrando de férias e vivem com o tio e a avó. A liberdade com que celebram a ocasião, brincando com os meninos na praia,...
Enquanto nossos meninos dormem, lançado pela Editora Oito e meio em 2015, é genial. Essa é a palavra que, a meu ver, melhor o define. Renato Lemos, estreando em livro de contos, estava inspirado quando os escreveu. O livro reúne histórias cujos protagonistas, em sua maioria homens descasados, tentando aproximações às vezes desajeitadas com os...
“Difícil é competir com a realidade”. Esta é a frase de Sara Victoria que abre o Caralho A4, livreto cujo texto é ladeado pelas ilustrações da própria autora. Sara nasceu em Berlim, na então Alemanha Oriental, e veio para Salvador, onde se fixou, depois de passar por Londres e...
X