Início Tags Editora Patuá

Tag: Editora Patuá

Entrevista com o escritor André Balbo

Andé Balbo nasceu em São Paulo em 1991. É autor do livro de contos Estórias autênticas – importunâncias do engenho alheio (Patuá, 2017). Integrou as...

Quatro perguntas ao escritor Charles Marlon

Charles Marlon, autor de Poesia Ltda (Patuá, 2012), Sub-verso (Patuá, 2014), Re-trato (Patuá, 2016), La Siesta sobre Cuchillos (La bodeguita, 2017) e Aqui: este...

Quatro perguntas para o escritor André Mellagi

André Mellagi, nascido em São Paulo, é mestre e doutor em Psicologia Social pelo Instituto de Psicologia da USP. Participou de antologias de contos,...

O flanar poético em “Enclave”, novo trabalho de Fernando Andrade

No cotidiano caótico, no qual desperdiçamos nossos átomos diários de vida, os artistas por vezes cumprem a função áurea de degringolar as pragmáticas engrenagens do sistema...

Livro “Aprendizagem cinza” cinzela poemas na urbe vertical

Há se a cidade fosse um concreto armado. Contra nós, seus ocupantes. Não haveria rompantes? De dor e náusea numa manhã nublada, em que...

“Amorte chama semhora” canta em verso a linguagem “solta” do aparelho...

Você já sentiu alguém irritado lhe dizer em tom crítico Pelo amor de Deus. Se pensarmos que o amor é um sentimento que necessita...

“Educação para morte” tece um olhar afetivo em, contos bem poéticos,...

Há pessoas que (se) enganam. Outras (se) esganam, já outras se esgarçam. Mas há dentro do pensamento, aquele recôndito lugar que não se verbaliza...

Poemas de “Mecânica Aplicada” ressignificam a palavra leitura num livro de...

Existem três formas de operar a linguagem: A fala, a escrita e a gravação. A fala está estabelecida pela dinâmica do corpo, sendo a...

Livro “Às vezes o buraco é mais embaixo” é uma envolvente...

Se você perguntasse o que pode? as cartas de tarô, com uma iconografia simbólica onde cada carta reuni um repertório de informações contextuais ligadas...

Livro “Daqui” se move harmonicamente pelo espaço da página, poetizando o...

Tido como fixo. Como sufixo do nome? Algo importante que diz respeito. Talvez sem tido e sem lido, a imagem se desloca para outra...

“O cisne negro, o ornitorrinco e o relógio parado” cria semântica...

No reino do Era uma vez, não é o passado que está sendo trazido da lembrança para uma audição contemporânea, nem passa, talvez, pelo...

Livro “Sem Sistema” fala da vida social gerida por sistemas de...

No seriado Jornada nas Estrelas havia um personagem que citava em algumas situações em que a demanda pela capacitação exigia, dizia: unidades biologias perfeitas,...

Livro Diário da Vertigem faz do real uma máquina de jogo...

Não gente, os poemas de Marília Kubota em “Diário da Vertigem”, pela Editora Patuá, não partem de uma negação. Eles são muito brincalhões para...

Livro “Mandrágora” e a afetiva voz narrante à cidade que somos

Dizem os oradores que falar e orar guardam-se semelhanças. Enquanto um é um código linguístico externado ao outro, o orar é uma fala com...

Livro “O Plural de Etcéteras” vai fundo na linguagem para ver...

Como se a coisa palavra mais insujeita se transformasse em ideia. E a ideia; uma substância mais inconcreta se sujeitasse ao algum discurso, mas,...
X