joss-whedon-jla

Joss Whedon já esteve escalado para escrever e talvez dirigir um filme sobre a Mulher-Maravilha com sua musa Elisa Dushku no papel de Diana, mas sua proposta não agradou a Warner/DC que engavetou o projeto. Agora Whedon, perguntado sobre o motivo dos personagens DC não emplacarem nos cinemas,  resolveu dar sua opinião:

“Pois, com uma grande exceção chamada Batman, os heróis da DC são de uma era diferente. Eles são de uma época aonde a DC estava criando deuses. E “o algo” que torna a Marvel Comics excepcional é que eles criaram pessoas. Os personagens da Marvel não vivem em cidades míticas, eles vivem em Nova Iorque e com certeza são parte do mundo. O personagem Peter Parker (Homem-Aranha) é um adolescente em conflito. Batman é o único personagem que eles (DC) possuem cujas raízes estão no sofrimento, ele possui a mesma dádiva dos personagens Marvel, que é esta relação com a humanidade que podemos nos identificar.”

Sem dúvida alguma Whedon entende do que está falando, esta idéia aliás é bem conhecida e sempre defendi que uma das maiores qualidade do Batman de O Cavaleiro das Trevas foi o fato de ter trazido os personagens e a cidade de Gotham para a realidade. Superman fracassou nos cinemas também por este motivo, somente os fãs do personagem acharam legal aquele plano idiota do Lex Luthor de construir um novo continente para vender imóveis. Sinceramente foi o roteiro mais idiota que me lembro de ter assistido numa grande produção.

O grande desafio da Warner agora será Lanterna Verde, o filme corre os mesmos riscos do Superman justamente pelos motivos apontados pelo Whedon. O Lanterna é um personagem que possui pouca (quase nenhuma) conexão com as pessoas comuns, principalmente quando falamos sobre o Hal Jordan, um personagem que vivia uma vida mansa e ganhou seus poderes de bandeja. Acredito que a Warner deveria fazer um filme bem ficção-científica para o personagem, é a única maneira de não fazer o conceito parecer ridiculo mas também é uma grande aposta pois esse tipo de produção costuma ser realmente cara.

  • Lam

    Dá para fazer um filme do Hal focando no acidente de avião do pai dele.

  • A questão é “como que o acidente com o pai do Hal” influenciaria a formação do herói? Fora que o pai dele morreu bem antes de se tornar o Lanterna, não há ligação nos fatos e mesmo que houvesse não teria graça nenhuma. Digamos que algum vilão tivesse causado do acidente que provocou a morte do pai do Hal Jordan? O Hal iria se vingar e ai? Cairia no mesmo problema do Superman Returns… um herói com poder infinito enfrentando uma ameaça bobinha.

    Continuo achando melhor fazerem algo sci-fi e torcer para que as pessoas achem interessante o conceito. Se ele impedir a destruição do planeta ou da galáxia pode ser que dê certo.

  • Lam

    Concordo, mas dá para explorar o aspecto real e humano do personagem focando nisso.

    Porque o grande lance dele ser destemido e ter sido escolhido para Tropa, foi o fato dele está sempre enfrentando a morte (no caso a do pai) como piloto de teste.

    Mas para mim Lanterna Verde tem que se passar pelo Universo, nada de Terra. Dá para brincar muito com isso, ainda mais mostrando conflitos pessoais e culturais do Hal com outras culturas alienígenas.

  • Paulo Martins

    Hã… quem, você acha que é o Joss Whedon que escreveu duas temporadas de Surpereendentes X-men?

  • Lam

    Whedon também escreveu Fugitivos (Runaways).

  • aline wonka

    A DC é tradicionalista demais.Por que não um filme sobre o John Stewart?Porque a DC não tem cara para fazer um filme de um heroi negro.Coisa que a Marvel ta fazendo, com Luke Cage.Para por uma personagem lesbica foi um custo.Os herois da DC são deuses e isso não é cabivel para os dias atuais.

  • Eu queria dizer nos cinemas :/

  • Que balela. Qual a diferença prum bom roteirista entre a humanidade de Thor pra Superman, Capitão Marvel, Capitão Atomo? Em que difere a humanidade do Dr. Strange pro Dr. Fate?
    O que tem de diferente entre o Flash ser atingido por um raio e ganhar hiper velocidade e Peter Parker ser picado por uma aranha radiotiva e ganhar um canivete suiço de poderes tematicos ?
    Eu adoro o Joss Whedon , mas isso que ele disse é balela por ter sido tirado dos projetos.
    E visto que a DC tem MUITO MAIS herois sem poderes que a Marvel, ele realmente não sabe o que está falando. Só depende do roteirista, vide a diferença gritante entre o roteiro do Nolan pros primeiros roteiros dos primeiros filmes do Batman.

  • Jorginho

    acxho que ele tá se referindo aos grandes da dc
    eu concordo com ele
    super-homem, lanterna, mulher maravilha sao personagens que nunca funcionariam no universo marvel. no universo marvel vemos os personagens vivendo e na dc sao apenas superherois. nunca vi esses personagens da dc com problemas de dinheiro e outras coisas comuns na marvel

  • Camino, você entende meu drama em relação à pataquada do Superman! Que roteiro porqueira! Cacildis!

    E eu sou partidário da visão do Whedon, os heróis da DC na minha opinião quando não são sem graça são totalmente fora de contexto nos dias atuais.

    O Joss Whedon sabe bem que o público gosta mais do que consegue se identificar com. Afinal, é dele o Firefly, um Star Wars mais sujo e bacana. =D