Aproveitando o calor de final de ano do Rio de Janeiro, o Circo Voador trouxe Céu; General Elektriks e Sophie Hunger na mesma noite, botando centenas de cariocas a dançar pela madrugada adentro.

Quem não conhecia Sophie Hunger se surpreendeu com a bonita atuação do grupo, que abriu a noite embalando o público ávido pela gafieira eletrônica que lhes seria reservada. Sophie, que começou a carreira gravando inteiramente solo, apresentou seu trabalho com uma banda bastante equilibrada que por sí valeria o ingresso.

Sophie Hunger #circovoador #vscocam

A post shared by Márcio Kabke Pinheiro (@marcio_kp) on

Sophie Hunger #circovoador #vscocam

A post shared by Márcio Kabke Pinheiro (@marcio_kp) on

Como ficou claro desde que subiram ao palco do Circo, o General Elektriks já possuí público cativo no Rio de Janeiro. O grupo francês que já havia aparecido de relance na cidade em 2012 voltou com ainda mais suingue, literalmente botando o sangue para ferver no palco.

Vale acompanhar Hervé Salters e sua trupe.

#GeneralElektriks #Céu #CircoVoador #Divos #RJ

A post shared by Renata Moreira (@renataurbanata) on

General Elektriks botando todo mundo pra dançar! #generalelektriks #circovoador #lapa

A post shared by Circo Voador (@circovoador) on

Por fim Céu. A cantora que há muito já conquistou os críticos e jornalistas da Ambrosia estava ainda mais luminosa que nas suas últimas passagens pela cidade show Tropix e no Catch a Fire senão falha memória.

Como o pessoal do Circo descreveu bem “Quando a gente achou que ela estava no auge, ela vem ainda melhor.”

Céu diva Circo Voador e #foratemer! #circovoador #céu #ceutropix #errejota

A post shared by Rebecca Fagundes (@keka.fagundes) on

((vem pra roda da malemolência)) #ceu #tropix #ceutropix #circovoador #musicphotography #concertphotography

A post shared by Catarina Rangel 📷 (@catarinarangel) on

release: