em ,

Centenário de Clarice Lispector é celebrado online

Há exatos 100 anos, nascia na Ucrânia pós-guerra civil Clarice Lispector, cânone da literatura brasileira.

Clarice Lispector nasceu em 1920, numa família judaica russa e tinha duas irmãs mais velhas. Em 1922, a família, que havia perdido os bens na guerra civil, decidiu sair da Europa para o Brasil. Maceió (AL) foi o primeiro destino e, poucos meses depois, os cinco se instalaram na capital pernambucana.

No dia de seu centenário, celebrado nesta quinta-feira (10), a autora se torna cidadã pernambucana, título concedido pela Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). Clarisse também foi reconhecida como patrona da literatura de Pernambuco.

Comemorando a data, diversos eventos online serão realizados sobre Clarisse.

[Homenagem] Rocco

A editora Rocco, que desde 1998 detém os direitos de publicação da obra de Clarice Lispector, organiza uma série de iniciativas em homenagem à autora. Às 14h, o editor Pedro Vasquez fala sobre o trabalho de editar a literatura clariceana. Às 15h, a editora retransmite, no Facebook, o debate de Guiomar de Grammont com Nélida Piñon no Fórum das Letras de Ouro Preto. Às 19h, exibe um mini documentário sobre o novo projeto gráfico dos livros de Clarice para o ano de centenário. Às 22h, a Vigília Clarice 100 anos fecha o dia com sarau virtual madrugada adentro.

[Live] Cem anos de Clarice: a paixão segundo Verônica Stigger e Italo Moriconi

Às 17h, Veronica Stigger e Italo Moriconi fecham o projeto “Cem anos de Clarice: a paixão segundo…”, organizado pela PUC-RS desde o início de novembro. Com mediação de Reginaldo Pujol Filho, o bate-papo final aborda a experiência curatorial de Stigger com a exposição O útero do mundo – inspirada em Clarice -, com previsão de abertura em 2021, no MAM, em São Paulo. Moriconi fala sobre sua trajetória como pensador, crítico e antologista de Clarice. A transmissão acontece pelo YouTube e Facebook da PUC-RS.

[Live] Clarice Lispector e o Recife

Às 19h, a escritora e pesquisadora Clarice Hoffmann e a artista visual Clara Moreira conversam sobre a relação da escritora com a cidade do Recife, onde viveu dos 2 aos 14 anos de idade. Para 2021, elas preparam uma HQ sobre a autora, a ser lançada em 2021 pela Companhia Editora de Pernambuco (Cepe). A mediação é de Geórgia Alves. A live faz parte do Circuito Cultural de Pernambuco, evento organizado pela Cepe com apoio da Fundação Gilberto Freyre e do Governo do Estado. A conversa será transmitida pelo site do evento.

[Palestra] Vida e obra de Clarice Lispector

Também às 19h, a professora Nádia Battella Gotlib (USP) fala sobre a vida e a obra de Clarice em uma palestra organizada pelo Núcleo de Estudos Eslavos da UNICENTRO. Autora de Clarice: uma vida que se conta (Edusp), Clarice – fotobiografia (Edusp), entre outros, Gotlib é especialista em literatura brasileira, literatura portuguesa e em estudos comparados de literaturas de língua portuguesa. A transmissão acontece pelo YouTube.

[Live] Clarice Lispector – 100 anos

A partir das 19h, a atriz Sandra Possani lê as crônicas “Tortura e glória”, “As crianças chatas”, “A surpresa” e “Daqui a vinte e cinco anos”, do livro A descoberta do mundo – além de trechos de A paixão segundo G.H. e Água Viva. Também participam a cantora e violinista Júlia Reis, que apresenta canções como “Clarice”, “Oração ao tempo” e “Tigresa”, de Caetano Veloso, e “Que deus o venha”, de Cazuza, e a pesquisadora Débora Matter, que comenta os textos lidos por Possani. A homenagem, organizada pela Secretaria Municipal da Cultura de Porto Alegre, será transmida pelo YouTube.

[Teatro] Na sala com Clarice

A partir das 20h, o público pode escolher contos e crônicas de Clarice Lispector que gostaria de ouvir na interpretação do ator Odilon Esteves. É essa a proposta da peça online Na sala com Clarice, que faz parte da programação do #CCBBemCasa e tem patrocínio do Banco do Brasil. A transmissão acontece pelo Zoom e é preciso solicitar ingressos pela plataforma Sympla.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

Street Fighter

Publicado por Redação Ambrosia

EscritorVerificado

Teatro Bradesco realiza live homenageando 105 anos de Frank Sinatra

Teatro Oi Futuro Flamengo exibe estreia da peça “Paz de Iperoig”