em ,

CurtiCurti TopTop EitaEita

As memorias de outrora em Greak: Memories of Azur

On Nintendo Switch

Após uma invasão bárbara dos Urlags a sua aldeia, Greak e seus dois irmão fugiram às pressas. Durante a fuga sucedida eles se perderam um do outro sem tempo para pistas ou planos de reencontro. De qualquer maneira ainda sabem que precisam se reunir em prol da própria sobrevivência e quem sabe salvar sua terra natal, Azur, dos Urlags de lambuja.


Greak, o caçula começa a história em um vilarejo onde soldados o resgataram sem muita memória sobrando. É um aspirante a membro das forças de resistência contra os Urlags. Pequeno e ágil consegue acessar partes do cenário que os outros dois por ventura não conseguiriam.
Adara é a irmã do meio. Maga e magra, ela consegue nadar com facilidade sem contar os jutsus.
E Raydel o mais velho, que domina as habilidades do combate e da força bruta.

As mecânicas são as clássicas dos side-scrollings: andar, pular bater, atirar e esquivar. A sonoplastia é criativa, acompanha as belas animações de combate.

Boa parte dos gráficos do game foram feitos a mão, inclusive as animações que elucidam bem a aventura.

Se procuras “perseverar” por algumas horas em um side-scrolling com uma pitada boa de Hollow Knight, recomendo fortemente.

Nota: Bom – 3.5 de 5 estrelas

As memorias de outrora em Greak: Memories of Azur
3.5 / 5 Crítico
Avaliação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *