em ,

Faro Editorial lança “Seja Singular” de Jacob Pétry e Valdir Bündchen

Ilustrado com histórias de grandes líderes, a obra aponta como transformar habilidades pessoais em ferramentas para o sucesso

O que você está fazendo hoje pode garantir seu sucesso daqui a cinco anos? O conhecimento que está adquirindo será o suficiente para aquilo que você mais deseja da vida? Como você está preparando seus filhos para enfrentar o futuro? O que você pode fazer para desenvolver sua singularidade? Afinal, o que é ser singular?

A Faro Editorial lança este mês o livro “Seja Singular” de Jacob Pétry e Valdir R. Bündchen, uma obra que vai te ajudar a descobrir seu talento e fazer disso uma profissão. Neste livro único e libertador, Valdir R. Bündchen, pai da modelo Gisele Bündchen – e que no início da carreira agiu como mentor da filha, orientando-a com princípios, valores e direção –  e Jacob Petry desafiam as fórmulas fantasiosas de enriquecimento fácil em moda nos dias atuais, e apresentam um caminho novo para superar nossos medos, limitações e incertezas, abrindo nossa mente para o potencial imenso existe latente em cada um de nós.

Com o mercado de trabalho está cada vez mais competitivo e não é novidade para ninguém que as empresas buscam por inovação, criatividade e talento. Somos reconhecidos não só pelas habilidades técnicas e acadêmicas, mas também pela forma como pensamos, pela criatividade e pela proatividade, ou seja, o que temos de único para oferecer.

Este livro vai ensinar a pensar de maneira diferente, descobrir sua singularidade e transformar esse talento numa carreira ou num negócio, fazer escolhas que te levarão aonde quer chegar, usar a imaginação e a criatividade para ser inovador, libertar-se do medo, da insegurança de da baixa autoestima e conquistar o mundo!

 

Ficha Técnica
Título: Seja Singular
Autor: Jacob Pétry e Valdir Bündchen
Nº de páginas: 256
Preço: R$39,90
Editora: Faro Editorial

Publicado por Cadorno Teles

Habitante das terras áridas dos vales, guerreiro aposentado que desgraçadamente foi jogado numa dimensão que ninguém acredita nele. Se tornou professor, e nos momentos livre aproveita para ler e levar livros pelo sertão. RPG, quadrinhos, literatura e cinema estão entre seus vícios, para esquecer ou mesmo lembrar de seu mundo originário.