em ,

CurtiCurti TopTop UauUau

“Por que minha diferença te incomoda?”, de Joceli Araújo

Romance narra as reflexões de um adolescente perante o preconceito que outros jovens vivenciam

Provavelmente uma das temáticas mais importantes para abordar em várias frentes em nossa sociedade é o binômio tolerância/respeito. Mesmo que tenha suas diferenças conceituais é necessário construir uma cultura, uma educação voltada ao diálogo, operando para reconhecer as diferenças como atividade resultante de escolhas, opções, desejos, motivações emocionais,
afetivas.

A literatura é um desses caminhos e o professor Joceli Araújo em sua estreia na ficção, soube escolher bem a temática ao abordar em Por que minha diferença te incomoda? a existência da diversidade humana como um dado culturalmente constituído.

Sinopse

João é um típico adolescente, mas diferente dos demais. Tímido, baixinho e meio sem jeito, é um jovem com grandes sonhos e um coração ainda maior. Alvo constante de bullying, João usa sua decepção com as pessoas e a dor que lhe causaram para movimentar uma ação que se faz cada vez mais necessária: a conscientização e a busca por uma sociedade que aceite as diferenças.

O romance “Por que minha diferença te incomoda?” é uma narrativa contada pela voz e perspectiva de João, que busca trazer relatos de outros jovens que também sofreram pelas diferenças que carregam no corpo e nas histórias. É um romance que te faz se envolver tanto com João, quanto com as histórias contadas e protagonizadas por outros jovens. É uma busca repleta de questionamentos no sentido de compreender por que as diferenças dos demais incomodam tanto.

Análise

Ler uma obra que trata de um assunto tão pertinente, imprescindível para professores e educadores é um achado. Ao direcionar sua atenção para essa temática social e realista, o autor constrói uma ficção terna e dura sobre uma realidade que muitos jovens passam.

O professor cearense Joseli Araújo com esse romance dirige-se a todos os tipos de público: adultos, crianças e adolescentes. Mesmo com a temática juvenil, o autor faz um relato que abrange bem mais que os jovens, mas a todos que vivemos em uma sociedade.

Numa linguagem simples, mas eficiente sobre o que chamamos de diferença, onde aprendemos que ela não corresponde a um dado para ser tolerado ou aceito, mas respeitado porque é entendido como manifestação das diversas formas de experienciar o mundo; das diversas formas de apreendê-lo, significá-lo e sofrer os efeitos da sociedade, da política, da economia, da cultura, etc.

Por que minha diferença te incomoda? é um livro com 144 páginas dirigido a leitores a partir dos catorze anos e que a Editora Viseu publicou esse ano, como livro de estreia do autor.

O livro atende aos três requisitos que consideramos básicos em uma leitura desse tipo. Em primeiro lugar, o protagonista é um jovem que sofre bullying por não ser “normal” e que resolve modificar esse olhar, ouvindo os relatos de outro jovens que padecem do mesmo problema, ajudando os demais a se conhecerem e vencerem esses estigmas.

Em segundo lugar, é um livro vivencial em que a voz narrativa está a cargo, neste caso, do protagonista, que ao ouvir os relatos, utiliza a técnica de contraponto. Assim, os narradores são jovens com uma variedade de registros e nuances que enriquecem o texto. E por ultimo, acompanhar o protagonista em seus pensamentos, em seu processo de entendimento, compartilhando em um blog suas vivência, lidando até com uma fama, que marca  profundamente o jovem e que contém as chaves da sua evolução para a ajudar nossa sociedade.

Traumas e identidades

Os relatos que o autor desenvolve são identidades que encontramos em qualquer centro urbano. A leitura nos convida a dar atenção às inquietações do autor geradas no seu olhar como professor, em relação aos estereótipos que são levantados pelas sociedade frente a algumas situações que envolvem preconceitos e que causam traumas em muitos jovens.

Com um objetivo claro que é para que os jovens tomem consciência da magnitude desse problema de não respeitar as diferenças do outro e estejam preparados para tomar decisões e assumir as responsabilidades que lhes cabem.

O livro privilegia o debate sobre essas relações envolvendo o bullying e vai ampliando para uma aventura de relatos e de crescimento pessoal para fazer o leitor compreender por que as diferenças dos demais incomodam tanto e como podemos encontrar novas maneiras de enfrentar esse mundo com respeito. Por que minha diferença te incomoda? chega em um momento em que o país se encontra com exemplos diversos de falta de respeito, preconceito, racismo, etc. e por isso, nossa recomendação.

Nota: Bom – 3 de 5 estrelas

“Por que minha diferença te incomoda?”, de Joceli Araújo
3 / 5 Crítico
Avaliação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Um comentário

  1. Essa análise, para mim enquanto escritor, deixa-me um sentimento de uma missão cumprida: disseminar por meio da literatura uma reflexão acerca de uma problemática tão presente em nossa sociedade, que é à intolerância às diferenças e necessidade pelo respeito a todos e todas. O livro, apesar de ficção surge a partir de diálogos com jovens que clamavam para serem aceitos e que lutavam para terem espaço. Transpor essas ideias para o campo literário foi o caminho trilhado ao longo da escrita.