em ,

The Place Promised in Our Early Days

4012

“Kumo no Mukō, Yakusoku no Basho” é um animê belíssimo e bastante singular, ao longo de seus noventa minutos da história concebida por Shinta Kanō, descobrimos por que o diretor Makoto Shinkai figura entre os mestres da animação mundial.

A trama se passa no final do século XX, em um universo paralelo onde o Japão foi separado em dois pelos Estados Unidos da América, que ficou com o sul, e a União (Soviética), há ainda grupo militar denominado Uilta que luta pela reunificação do país. E para completar o cenário já complicado, existe ainda uma imensa torre em Hokkaido criada pela União para estudar universos paralelos e, que se torna principal elemento de conflito entre as potências.

torre_de_hokkaido

Nesta realidade vivem Hiroki Fujisawa e Takuya Shirakawa, dois amigos que estão para completar o colégio numa cidade fronteirissa entre norte e o sul, fascinados pela magnitude da torre, acabam descobrindo acidentalmente um planador antigo que batizam de Bella Ciela. Ambos decidem o reconstruir o planador e voar até a misteriosa torre, para isso trabalham na fábrica do Sr. Okabe durante o período vespertino… Pouco antes das férias de verão, Hiroki encontra com Sayuri Sawatari, a garota de seus sonhos que por sua vez gosta de Takuya, mas os dois acabam se tornando amigos e Hiroki leva Sayuri para conhecer o Bella Ciella. Conquistando a amizade também de Takuya, os três fazem a promessa de viajar ao redor da torre no planador. Os dias de verão passam e os três amigos aguardam ansiosos o dia de voar até a torre, porém antes que consigam realizar o sonho Sayuri desaparece misteriosamente.

por_do_sol

O filme dá um salto de três anos, somos então apresentados a um Hiroki desconsolado que vive em Tóquio e a Takuya trabalhando como físico pelo governo do sul, pesquisando universos paralelos, sua ligação a torre de Hokkaido e membro agora da Uilta por influência do Sr. Okabe. Descobrimos ainda três anos antes a torre de Hokkaido foi ativada e que toda área de dois kilometros a seus redor foi substituida por um universo paralelo onde a consciência de Sayuri passou a vive enquanto seu corpo vive em coma.

bella_ciella

Contar mais que isso acabaria com a graça do filme, porém é indispensável ressaltar a brilhante maneira como teorias científicas brincam no universo imaginado para o filme, sonhos navegam entre realidades enquanto o destino cuida de amarrar cuidadosamente a vida das pessoas. Todo filme se desenrola com uma suavidade que espantará os fãs de Dragon Ball e Cavaleiros do Zodíaco, mas que agradará bastante quem aprecia as obras do mestre Myasaki, lembrando inclusive Omohide Poro Poro em alguns momentos. Enfim, recomendo The Place Promised in Our Early Days fortemente.

4 opinaram!

Deixe sua opinião!

    Participe com sua opinião!