em ,

Rebeca se une a Rubel em vídeo acústico “O Tanto Que Falta”

Artistas dão ar intimista a parceria presente no álbum “Corar”

Após criar camadas e loops climáticos em seu álbum de estreia, “Corar”, a cantora e compositora Rebeca re-imagina algumas canções do trabalho em formato acústico. Seguindo o primeiro single, “Fantasia”, agora é a vez da faixa “O Tanto Que Falta” ser repaginada em um vídeo em estúdio ao lado de Rubel. O artista é o único vocal convidado no disco de Rebeca e aqui empresta sua candura a uma canção que ecoa inocência e leveza.

A interpretação acústica traz uma nova roupagem à faixa. Ela ressurge com maior enfoque na canção e arranjos que apresentam timbres mais orgânicos: os violões de nylon de Fanner Horta (Gragoatá) e Leon Navarro somam ao baixo acústico Pedro Chabudé – os dos últimos, integrantes da banda Barcamundi – para substituir a produção mais eletrônica da versão presente no disco “Corar”.

“Quis trazer a noção da canção em evidência dessa vez, em formato ao vivo. O roteiro foi bem simples, trazendo um ar intimista e meio clássico que o estúdio proporciona. Durante a escolha de músicas pro projeto, mandei essa ideia pro Rubel e ele topou na hora. A gravação fluiu rapidamente também. É um prazer trabalhar com ele, que está sempre disposto a colar junto”, recorda Rebeca.

O álbum “Corar” foi uma espécie de emancipação a artista. Conhecida por sua passagem pelo The Voice Brasil em 2015, pelos fãs da banda Oriente (com quem participa do hit “Linda Louca e Mimada”, entre outros sucessos) e por integrar o trio Gragoatá, com o qual lançou um elogiado álbum voltado para a Nova MPB, agora Rebeca se redescobre compositora e intérprete ao mesclar outras influências, como indie pop, R&B e experimental.

Foi através do produtor do disco, Rodrigo Martins (da banda Tereza), que surgiu a colaboração entre Rebeca e Rubel. “Eu acho muito bacana quando um artista que você admira acredita no seu trabalho e topa fazer parte. Fiquei muito feliz mesmo. Já admirava o trabalho do Rubel antes mesmo de conhecer ele pessoalmente. Foi muito divertida toda essa troca para a gravação da ‘O tanto que falta’. Depois disso, já tocamos juntos duas vezes, em Niterói e no Rio, não só fazendo essa música, mas tocando Gil e Mac DeMarco”, se diverte Rebeca.

O ecletismo latente da personalidade da artista marca sua estreia solo, que traz uma sonoridade envolvente e onírica para a construção do universo do disco. “Corar” já está disponível em todas as plataformas de música digital, assim como o single acústico “O Tanto Que Falta”. A faixa é acompanhada de um vídeo no canal da artista.

Assista a “O Tanto Que Falta”:

Deixe sua opinião