em ,

Banco citado em música dos Beatles vai fechar

Agência, imortalizada na canção “Penny Lane”, vai fechar as portas por conta da mudança nos hábitos dos clientes, que estão migrando para as transações digitais

O grupo financeiro TBS (que atua no Reino Unido) anunciou que, em junho, vai encerrar as operações da agência bancária que mantém em Penny Lane, em Liverpool.

And the banker never wears a mac in the pouring rain
Very strange

Banco em Penny Lane
Foto: Julian Hamilton/Daily Mirror

Mas, qual a importância disso? Bem, em 1967, os Beatles estavam no estúdio gravando o que se tornaria o seu mais importante disco: Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band”.

As duas primeiras canções dessas sessões lançadas pelo grupo não entraram no LP. “Penny Lane” e “Strawberry Fields Forever” foram escritas inspiradas nas lembranças que Lennon e McCartney tinham de Liverpool.

Um banco imortalizado pelos Beatles

“Penny Lane” (nome de uma rua e um bairro) era um passeio pela memória afetiva de Paul McCartney. Na letra, são citados vários locais e pessoas, alguns verdadeiros, outros imaginários.

E é aí que entra a agência bancária. No segundo verso da canção, Paul fala sobre um banqueiro que nunca usa uma capa de chuva. Esse personagem foi inspirado no banco que terá as operações encerradas.

Os fãs dos Beatles que visitam Liverpool têm como alguns pontos de visitação obrigatórios os locais citados na letra de “Penny Lane” (o salão de barbeiro e o banco, por exemplo) e o desaparecimento de um deles é uma notícia triste.

Até o próprio Paul McCartney fez uma visita surpresa ao salão de barbeiro citado na canção (em 2018).

Pelo jeito, a próxima visita terá menos um local para ser visitado.

Placa de Abbey Road é vendida por 37 mil libras

Se a pandemia vem causando baixas em vários setores da economia mundial, parece que os fãs de placas de rua (e dos Beatles) estão com um bom apetite.

Um leilão de placas com o nome de ruas de Londres terminou com ganhos inesperados. Os preços médios alcançados ficaram entre £1 mil e £2 mil.

Porém, a placa da Rua da Abadia (Abbey Road), onde fica o estúdio de gravações mais famoso do mundo, foi arrematada por módicos £37 mil (cerca de R$ 300 mil).

The Beatles – Get Back: Peter Jackson divulga clipe com cenas inéditas

As placas com o clássico desenho em preto e branco (e que foram criadas em 1967 por Sir Misha Black) foram vendidas para angariar fundos para o Westminster City Council (uma espécia de subprefeitura).

Não foi informado o nome do comprador, mas é um belo (e caro) souvenir.

Com informações dos jornais Evening Standard e Daily Mirror

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *