Assim como seus predecessores, “Cinquenta Tons de Liberdade” liderou as bilheterias americanas em seu final de semana de estreia, apesar de receber várias críticas negativas (leia a nossa aqui). A última parte da trilogia erótica dos “Cinquenta Tons” desbancou “Maze Runner – A Cura Mortal” do primeiro lugar do pódio. O público foi majoritariamente feminino (75%) e essencialmente jovem (55% era abaixo dos 30). A arrecadação total da produção da Universal nos três dias (9 a 11 de fevereiro) foi de 38.8 milhões de dólares. O lançamento estrategicamente posicionado às vésperas do dia dos namorados nos EUA e Europa (14 de fevereiro) favoreceu.

No entanto, mesmo com o desempenho bem acima das outras estreias, foi a abertura mais fraca da franquia. Ficou abaixo dos US$46 milhões faturados pelo anterior, “Cinquenta Tons Mais Escuros”, de 2017. O abismo se torna ainda maior se comparado aos US$85.2 milhões arrecadados no fim de semana de estreia do primeiro filme em 2015. O longa também estreou em outros mercados no mundo, inclusive aqui, e a bilheteria global soma US$89 milhões.

O segundo lugar também foi um estreia, “Pedro Coelho”, que faturou 25 milhões de dólares. A comédia da Sony mostra a rivalidade entre o coelho CGI Rabbit (dublado no original por James Corden) e o Sr. McGregor (Domhnall Gleeson) que se acirra com a disputa pela atenção da vizinha Bea (Rose Byrne). No original, Margot Robbie (a Arlequina de Esquadrão Suicida)Elizabeth Debicki e Daisy Ridley (a Rey de Star Wars) integram o elenco de dubladores.

O terceiro lugar ficou com o novo filme de Clint Eastwood, “15h17 – Um Trem Para Paris”. A arrecadação ficou em US$12 milhões. A produção da Warner Bros gira em torno dos soldados americanos que impedem um ataque terrorista em um trem indo a Paris. Os personagens são interpretados pelos soldados reais que passaram pela situação.

E “Jumanji: Bem-Vindo à Selva” continua impávido em sua oitava semana em quarto lugar garantindo US$9.82 milhões para a Sony. Até aqui já fez US$365.65 milhões. Vale lembrar que Maze Runner que o tirou do primeiro lugar há uma semana já caiu fora do top 5. E o bicho-papão “Star Wars: Os Últimos Jedi” (já com seu bilhão nos cofres), que estreou apenas uma semana antes, já nem está mais no top 10. O sinal verde para uma continuação com certeza já foi aceso no estúdio. O musical “O Rei do Show” também segue em uma boa campanha. Com oito semanas em cartaz ficou em quinto, com uma bilheteria de 6.4 milhões. No total já soma US$146,53.

Posição Título

Bilheteria
(9-11/2)

Bilheteria Total

Custo
1 Cinquenta Tons de Liberdade $38,80 $38,80 $55
2 Pedro Coelho $25 $25 $50
3 15h17 – Trem para Paris $12,60 $12,60 $30
4 Jumanji: Bem-Vindo à Selva $9,82 $365,65 $90
5 O Rei do Show $6,40 $146,53 $84
6 Maze Runner: A Cura Mortal $6,00 $49,01 $62
7 A Maldição da Casa Winchester $5,05 $17,17
8 The Post – A Guerra Secreta $3,50  $72,83 $50
9 A Forma da Água $3,00  $49,76
10 Covil de Ladrões $2,87 $40,95

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here