em ,

TopTop UauUau

Citadels, um cardgame de fantasia medieval na mesa

Como seria o planejamento de uma cidade na Idade Média? E dentro de um contexto fantástico? É mais ou menos assim que Citadels, jogo de cartas (cardgame) desenvoldido pelo francês Bruno Faidutti, autor de outros jogos como Ad Astra ou The Mystery of the Abbey (ambos com Serge Laget). Cuja primeira edição foi publicada em 2000 (com o nome Citadelles), e no nosso país é editado pela Galápagos, com três edições já lançadas, com ligeiras alterações entre as duas.

Em Citadels, cada jogador é o governador de uma cidade… em uma terra de cidades rivais. Os jogadores precisarão construir a cidade mais impressionante subornando os aristocratas locais, construindo estruturas impressionantes e talvez até mesmo alguma sabotagem à moda antiga. Ou seja, Citadels é um jogo onde os jogadores constroem e expandem sua sua cidade antes dos seus oponentes. Para tais feito, é preciso ter cartas, ouro e sabotar os demais jogadores.

A primeira edição incluía um conjunto de 8 personagens e um deck de edifícios. O segundo incorporou um novo conjunto de 10 personagens diferentes e a possibilidade de incluir um oitavo jogador. E o terceiro incluiu uma expansão com mais edifícios. O jogo possui cerca de 50 versões, entre edições originais, traduzidas, expansões e reimpressões em vários países.

Permite jogos de 2 a 8 jogadores (a partir da segunda edição), com idade mínima sugerida de 10 anos e duração aproximada entre 20 e 60 minutos.

Importante: Se já conhece o jogo e/ou está interessado apenas nossa análise, siga para direto para a seção Análise. As seções Conteúdo e jogabilidade destinam-se especialmente a quem não conhece o jogo e prefere ter uma ideia geral de como funciona.

Conteúdo

A diagramação textual não ficou legal, principalmente no manual de regras, com textos bem pequenos..

O jogo vem em uma dessas caixas típicas, cujo interior da caixa encontra-se um separador que nos permitirá guardar as cartas em dois baralhos e as moedas e a coroa num espaço intermédio entre elas.

Os itens incluídos na caixa são:

18 Cartas de Personagem
80 Cartas de Distrito
9 Cartas de Referência
30 Moedas de Ouro
1 Carta de Coroa
1 Livro de Regras

Jogabilidade

Nesse jogo, os participantes desempenham o papel de governadores de suas respectivas cidades. Cada jogador deve levar sua cidade ao mais alto nível de prosperidade e prestígio para ser o vencedor do jogo. Para isso, em cada rodada ele assumirá um papel que lhe permitirá ter uma habilidade especial além das ações comuns.

Esses papéis vão desde o letal Assassino, ao ágil Ladrão (que deixara seus adversários sem dinheiro nenhum), passando também por Nobres como o Rei e o Bispo, e outros membros da sociedade como o Arquiteto e o Comerciante.

Com a ajuda dessas figuras os jogadores deverão construir sua cidade formada por diversos distritos. Cada distrito possuem valores/custos e cores atribuídos à nobreza, ao comércio, à Igreja e aos militares.

Cada uma destas cores de distrito interage com personagens como o Rei, o Comerciante, o Bispo e o Mercenário! Os distritos roxos completam a cidade trazendo poderes especiais.

O jogo termina quando um jogador constrói o oitavo distrito dentro de sua cidade. A partir daí, todos tem até o final do turno para tentar completar sua cidade!

Análise

É um jogo ideal para jogar com muita gente (quanto mais gente, mais divertido, pois há muito mais interação entre os jogadores) e envolve rapidamente, querendo jogar vários jogos seguidos. A mecânica do jogo é muito simples de assimilar, trazendo momentos de tensão, dedução e diversão.

Cartas na versão espanhola

As cartas são de uma qualidade aceitável, embora o uso das bordas pretas com o passar do tempo vão perdendo a cor. É obrigatório sleevar (embainhar), principalmente, as cartas dos personagens, pois qualquer pequena marca pode prejudicar a experiência de jogo.

Um cardgame envolvente, com uma temática interessante, bastante imersivo que leva a certos conflitos na mesa, o que pode afugentar quem não suporta sabotar os outros. Recomendamos para todos os jogadores, sejam experientes ou iniciantes, que desfrutam competitividade ao máximo, mesmo que seja prejudicando seu colega no jogo.

Nota: Ótimo – 3.5 de 5 estrelas

Citadels, um cardgame de fantasia medieval na mesa
3.5 / 5 Crítico
Avaliação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *