Alterego transforma questões de saúde mental em álbum

29
0

A banda paulista Alterego mistura punk, hardcore, rock nacional noventista e alternativo para dialogar com o autoconhecimento e a saúde mental em seu novo álbum. “Terapia” foi fruto da psicanálise e traz questões empáticas para o sofrimento de muitas pessoas.

“‘Esse álbum foi completamente inspirado nas minhas sessões de terapia, de verdade mesmo, não é só o nome! Engraçado é que começamos a fazer ele em 2018, e até então eu nunca tinha feito terapia na vida, mas entre as idas e vindas das gravações comecei, peguei gosto pela coisa e virou o foco total das letras. Toda a parte gráfica também foi pensada na forma de ‘se conhecer e se consertar de dentro pra fora, pra evoluir’”, conta o vocalista e guitarrista Mário Coda.

Além dele, Luizão (baixo) e Macel Teixeira (bateria) completam o trio. Em 2016, eles lançaram seu homônimo álbum de estreia. Cinco anos depois, a banda natural de Limeira (SP) amadurece seu trabalho numa redescoberta interna para o novo trabalho.

“Com esse conceito lírico baseado nessas sessões de terapia, automaticamente a parte musical das composições começou a tomar outros rumos, é incrível como algo que você escreve pede determinada melodia ou arranjo! Inclusive mudamos a afinação padrão da banda para essas novas músicas, sentimos que faltava algo pra ficar no clima que queríamos, e funcionou total!”, reflete Coda.

Produzido por Mário, o disco está disponível em todos os serviços de streaming de música.

Ficha técnica:

Mário Coda – vocal, guitarra e produção musical

Luis Henrique – baixo

Macel Teixeira – bateria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *