em ,

Mega Man 11 – A volta de um clássico

Lançado no último dia 2 de outubro para PS4, Xbox One, PCs e Switch, Mega Man está de volta à ação com mais uma aventura, misturando a clássica ação de plataforma 2D com um novo estilo visual e poder gráfico da geração atual.

Confira no vídeo os comentários do canal Velberan:

22 comentaram

Participe, deixe sua opinião!
  1. Na minha opiniao q n vale nada, eu achei muito chata as fazes, e desafil so é legal 1, o resto é mto sem graça e n sao marcantes .e achei o final choco.mais os grafico foi oq eu gostei mais nada.

  2. Block derrota acido
    Acido derrota impact/pile
    Pile/impact derrota rubber/bounce
    Bounce derrota fuse
    Fuse derrota tundra
    Tundra derrota tocha
    Tocha derrota blast
    Blast derrota bloco

  3. A única coisa que eu não gostei foi a animação de movimento do Megaman, no Mighty No. 9 tinha uma animação mais plástica nesse sentido, mas o jogo está bem bonito no geral.

  4. Caraca, o requisito mínimo do Megaman é um core I5? Nossa… Pobre computador meu. Acho que vou ter que aposentar a ideia de jogar games novos por um looooooongo tempo… Parabéns pelo vídeo Velbs. Adoro seu canal.

  5. Eu só não entendi pq a Capcom não poliu esses movimentos do mega (eu já desconfiava disso), porque ele se move de um jeito muito esquisito.
    Quem já jogou o 8, lembra que ele parecia um pouco assim tbm, mas ainda era melhor, mesmo sendo mais antigo.
    Nisso aí eu achei que pecou. Tá bonito, mas não precisava deixar ele assim.

    05:53 Não joguei muito os primeiros, mas pelo que eu lembro os checkpoint eram crueis assim. É complicado, mas assim que
    09:54 A Steam tem overlay (sobreposição), pra você olhar as coisas por dentro dos jogos Velbs… me ajuda aí.
    10:22 Eu tbm acho. Isso é um extra no gameplay do jogo, mas talvez não seja tão imprescindível. Por outro lado, se ele existe já naturalmente no jogo, seria certo considerar que tem que se usado em alguma coisa – tipo, se uma arma congela algo, tem que ter no gameplay algo pra ser congelado, por exemplo.
    11:35 A "maldição da quinas", como eu sempre comento com um amigo. Essas quinas nunca ajudam, os inimigos nunca erram por culpa de quinas, já nós… hahahahaha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

Comentários