Cultura colaborativa! Participe, publique e ganhe pelo seu conteúdo!

Catarinense Scumbags anuncia nova fase da turnê So Many Ways

Crédito: Julia Porcher

A banda catarinense Scumbags retorna aos palcos com a turnê So Many Ways 2024. O primeiro show será neste sábado, dia 11, no Bro Cave Pub em Florianópolis, Santa Catarina. 

Levando seu mais recente lançamento, o álbum So Many Ways, a Scumbags fará sete shows em sete diferentes cidades. Em fevereiro a agenda segue para, além de Florianópolis, Jaraguá do Sul e Rio Negrinho. Já em Março a banda embarca para São Paulo onde tocará em Taubaté, Americana e também na capital paulista.

Sobre o So Many Ways

Lançado em dezembro de 2023, o álbum So Many Ways traz 13 faixas inéditas, gravação analógica e riffs marcantes em uma nova era da banda, marcada pelo amadurecimento e evolução do trio nos seis anos de existência.

Com uma nova sonoridade e estética musical, a Scumbags trouxe outras referências como emo, pop punk e ska. De mensagens sobre política e rebeldia até aquelas mais profundas e sensíveis sobre histórias pessoais, luto e saudades, o So Many Ways tem um repertório que toca os fãs e promete movimentar o cenário do punk rock nacional.

A turnê So Many Ways iniciou no ano passado e o novo repertório da Scumbags percorreu Paraná e Santa Catarina. A nova fase da turnê leva a banda até São Paulo. 

Confira a agenda de shows:

11/02 – Florianópolis (SC) – Bro Cabe Pub

23/02 – Jaraguá do Sul (SC) – Sinners Pub

24/02 – Rio Negrinho (SC) – Magos Bar

17/03 – Joinville (SC) – TBA

26/03 – Taubaté (SP) – Lapa P. House

30/03 – Americana (SP) – HUP

31/03 – São Paulo (SP) – Fenda 315 

Sobre a Scumbags

Fundada em 2017, a Scumbags é uma banda de punk rock/post-hardcore de Joinville, Santa Catarina. Atualmente a banda é formada pelo trio José Farias (guitarra e vocal), Christian Oliveira (bateria e vocal) e Jorge Siementkowski (baixo).

Referência na sua região, a Scumbags encontra inspiração em bandas como Green Day, Descendents, blink-182 e Fugazi. As composições partem de experiências pessoais dos músicos, refletem símbolos da cena underground local e também carregam mensagens reflexivas sobre liberdade e as ironias da vida.

Compartilhar Publicação
Link para Compartilhar
Publicação Anterior

Hit de rap em Israel pede a morte de Dua Lipa, Bella Hadid e Mia Khalifa

Próxima publicação

Deafkids e Test apresentam a No Hope Tour III no Rio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia a seguir