“Pluft, O Fantasminha” ganha montagem com bonecos inspirada nos animes e mangás

Espetáculo infantil inicia circulação pelo estado do Rio de Janeiro

63
0

A montagem do clássico de Maria Clara Machado, dirigida por Miguel Vellinho, surpreende a plateia com bonecos e efeitos especiais, criados para mostrar, com a linguagem do teatro de animação, a história do fantasminha que morre de medo de gente.

Obra que é um clássico do teatro infantil, Pluft, o fantasminha, de Maria Clara Machado, adaptada pela Cia PeQuod Teatro de Animação, será encenada em sete unidades do Sesc Rio de Janeiro, dentro do Projeto Sesc Pulsar. A circulação teve início no dia 05 de maio, no Sesc São João de Meriti, seguindo depois para as unidades do Sesc Teresópolis, Niterói, São Gonçalo, Nova Iguaçu, Barra Mansa e Valença.

Prestes a completar 150 apresentações (estreou em 2022), a encenação conta a história do fantasma mais famoso do teatro brasileiro, em uma versão inédita com bonecos, que lança mão de uma linguagem tecnológica e recursos especiais de iluminação com influência da cultura oriental. Mangás e animes infantis “A Princesa Mononoke”, “Ponyo” e “Meu Amigo Tororo” são as principais influências. A principal técnica da animação utilizada é oriunda do Bunraku japonês, bem como nos figurinos dos atores animadores e dos bonecos, que usam trajes que dialogam com elementos presentes na obra da designer de moda Eiko Ishioka.

A cenografia do espetáculo nasce de um jardim japonês, com a presença de elementos característicos daquele país. Em cena, tecnologia une-se à delicada produção artesanal dos bonecos, confeccionados por duas artistas que vieram especialmente da França para o Brasil a fim de realizar este projeto. Uma delas, Maria Cristina Rego Barros, foi integrante da PeQuod e nesta proposta teve o desafio de colaborar na criação de personagens que exigiriam mais de um tipo de técnica de manipulação e que contariam com recursos especiais de iluminação via Wi-Fi, desenvolvidos pelo iluminador Maurício Fuziyama.

Pelas mãos da PeQuod, a história ganha mais dinamismo e ação e traz mudanças nas personalidades e nomes de alguns personagens. “A mãe de Pluft, que trazia elementos próximos de uma matriarca do século passado, dedicada em excesso aos trabalhos domésticos, ressurge com temperamento e atitudes mais renovados. Já o famoso Pirata Perna de pau passa a ser chamado de Cara de Mau, retirando uma visão capacitista, que existia quando o texto foi escrito, para dar foco ao caráter desse personagem.”, conta a atriz Liliane Xavier.

Sinopse:

Inspirada pela estética dos animes e mangás, “Pluft, o fantasminha” vive uma grande aventura ao encontrar a menina Maribel, sequestrada pelo temido pirata Cara de Mau. Esse encontro inusitado dá ao protagonista o impulso e a coragem para crescer e enfrentar o mundo.

Ficha Técnica:

Texto Maria Clara Machado | Dramaturgia e adaptação Cia PeQuod – Teatro de animação | Direção Miguel Vellinho |

Elenco Bárbara Abi Rihan, Caio Passos, Liliane Xavier, Márcio Nascimento, Mariana Fausto, Marise Nogueira e Raquel Botafogo | Cenografia Doris Rollemberg | Figurinos Kika de Medina | Iluminação Renato Machado e Maurício Fuziyama | Trilha sonora original e produção musical Maurício Durão | Flauta shakuhachi Mariana Fausto | Criação e escultura dos bonecos Maria Cristina Paiva e Mathilde Plisson | Equipe de confecção bonecos e adereços: Arlete Rua, Diego Diener, Diirr, Eduardo Andrade, Fampa Artes, Gustavo Kaz, Miguel Vellinho, Rogerinho Assis e Thaisa Violante | Adereços cênicos Eduardo Andrade – Arte 5 | Adereços de figurino Arlete Rua | Iluminação dos bonecos e operação de luz Maurício Fuziyama | Costureira cenário Nice Tramontin | Costureiras bonecos Maria Amélia da Silva e Maria do Carmo | Assistente adereços cênicos Marcely Soares | Produção executiva Thiago Guimarães | Assistente de produção Gustavo Kaz | Programação visual Roberta de Freitas | Readequação da programação visual Will Grão | Fotos Renato Mangolin | Assessoria de imprensa Mônica Riani & George Patiño | Assessoria de mídias digitais Rafael Teixeira | Contrarregra Divany Andrade | Operação de som Gabriel Reis | Produção executiva da circulação Liliane Xavier | Coordenação geral e direção de produção Lilian Bertin | Produção original SESI-SP | Idealização Cia PeQuod – Teatro de Animação

Pluft, o fantasminha – Cia PeQuod Teatro de Animação

Classificação: livre | Duração: 45 minutos

Programação

05/05 | Sesc São João de Meriti | Teatro | 16h

Av. Automóvel Clube, 66 – Centro, São João de Meriti – RJ, 25515-126

12/05 | Sesc Teresópolis | Teatro | 16h

Av. Delfim Moreira, 749 – Várzea, Teresópolis – RJ, 25953-237

18/05 | Sesc Niterói | Teatro | 16h

R. Padre Anchieta, 56 – São Domingos, Niterói – RJ, 24210-050

19/05 | Sesc Nova Iguaçu | Teatro | 16h

Rua Dom Adriano Hipolito, 10 – Moquetá, Nova Iguaçu – RJ, 26285-330

02/06 | Sesc Barra Mansa |Teatro | 16h

Av. Tenente José Eduardo, 560 – Vila Nova, Barra Mansa – RJ, 27320-430

09/06 | Sesc São Gonçalo | Teatro | 16h

Av. Pres. Kennedy, 755 – Estrela do Norte, São Gonçalo – RJ, 24440-490

22/06 | Teatro Sesc Rosinha de Valença | Teatro | 15h

Av. Profa. Silvina Borges Graciosa, 44 – Valença – RJ, 27600-000

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *