em

A febre dos jogos no Facebook

Confesse! Ao menos uma vez (ou muitas) você já se irritou com as famigeradas solicitações e convites de jogos dos seus amigos do Facebook. Não entende qual a graça nesses simples jogos feitos em flash, java e ridiculariza seus amigos que passam boas horas do dia grudados na rede social, enquanto você está fazendo outra coisa que lhe agrade mais. Cuidado! Você pode acabar se viciando em algum desses jogos futuramente.

Lá em 2008, quando o fenômeno do Facebook começava a assolar grande parte do mundo, Zuckerberg implementava em sua rede social, jogos simples, para distrair e fazer com que os usuários passassem mais tempo conectados. Assim era o início de uma futura febre. Não demorou muito, todos estavam lá conectados cuidando de sua fazendinha em FarmVille e implorando aos amigos para lhe mandar feno e ajudar a conseguir outros itens. A cada novo jogo, surgiam mais adeptos a procura de uma genuína diversão grátis. Primeiro vieram jogos simples como: Texas HoldEm Poker, Pet Society, World Challenge, Tetris Friends, para citar alguns. Versões de famosos jogos de tabuleiro ou minigames, apenas mais improvisados para a Internet. Com o passar dos anos, o número de jogadores cresceu espantosamente, assim como a qualidade dos jogos. Agora, são tantos, que passaram a serem divididos em categorias como em uma loja; aventura, estratégia, ação, casino, família e etc.

farmville

Alguns deles te exigem que você adicione vizinhos para que consiga prosseguir e ganhar nível, status ou desbloquear pedaços do jogo. E é aí que entra a relação de ame ou odeie que paira sobre esses jogos. Desesperados para continuar em frente, os amigos começam a buscar outros amigos para jogar, enchendo-lhes de solicitações e convites, entupindo assim as notificações alheias. Gerando uma raiva sem igual por aqueles que precisam apagar convite por convite. Das duas uma: ou seu amigo vai se encher e aceitar seu convite, ou vai continuar apagando. Bom, isso não é mais necessário. Só continua vendo quem quer, pois agora é possível ir na Central de Aplicativos e bloquear as solicitações ou o próprio jogo em questão. Mais fácil e menos irritante.

facebook1 Mas e aqueles que continuam sem ter com quem jogar? Aqui vai uma dica: busque os fóruns nas páginas dos jogos e convide desconhecidos. Só assim você conseguirá manter uma certa regularidade em seu jogo. Os gringos (americanos, turcos, britânicos, espanhóis…) são completamente loucos por esses joguinhos e com certeza poderão te ajudar. Podem ser brasileiros também. Citei os gringos porque eles são menos desconfiados e mais suscetíveis a aceitar um convite. Ou se você não quiser, pode inserir moeda do jogo através de dinheiro.

Todo aplicativo tem itens que só podem ser adquiridos através de pagamento. Você compra uma quantidade de créditos que será inserido no seu jogo e pronto. Gaste sabiamente, pois eles evaporam rápido. É praticamente impossível gastar pouco, pois os pacotes de crédito costumam ter um valor muito baixo (uma sábia jogada de marketing), por volta de R$10, R$15 e entram rapidamente no seu jogo. As formas de pagamentos são variadas e depende de jogo para jogo, pois cada desenvolvedor funciona de um jeito diferente. A mais conhecida é o pagamento com cartão de crédito. Mas, é possível até inserir créditos através do seu celular, caso sua operadora permita.

20111129220412!AdventureWorld

Um dos jogos mais legais que já vi é o do Indiana Jones Adventure World. Achei a jogabilidade muito interessante e bem fiel aos filmes. Gastei bons R$30 reais com ele. Hoje estou preferindo os de estratégia, puzzles e inspirados em seriados como House M.D, CSI Miami (o npc do Caruso é muito bom!) e CSI.

Aqui vai a lista dos mais jogados ultimamente no Facebook:

10 – Jelly Glutton
09 – Uphill Rush 4 Game
08 – Words of Wonder
07 – My Ninja
06 – Plants vs. Zombies Adventures
05 – War of Mercenaries
04 – Papa Pear Saga
03 – Farm Heroes Saga
02 – Zoo World
01 – Criminal Case

No mais, são simples jogos de point-and-click que conseguem te distrair e até viciar, em alguns casos. Certos jogos, como o próprio FarmVille estão ganhando uma continuação e existem aqueles que ganharam um status absurdo, como é o caso de Candy Crush. Para o Zuckerberg é tudo ótimo, quanto mais tempo passarmos logados no Facebook, melhor para ele. E quem é que vai discordar no meio de uma partida de Tetris ou Bubble Blitz?

alguém opinou!

Deixe sua opinião!

Deixe sua opinião

Publicado por Melissa Andrade

Envolvente e profundo, “Lovelace” desmascara o mito

Sexo da nova chefe do Xbox incomoda jogadores =/