De Volta Para o Futuro – criador compara 4° filme com venda de filhos para a prostituição

Para roteirista da trilogia, a melhor opção para os nostálgicos é o musical que chegou à Broadway

10
0

Um novo “De Volta Para o futuro” é uma especulação e desejo de quase todos os fãs de cinema pop e, obviamente, do estúdio que produziu a franquia, a Universal Pictures. E toda vez que Robert Zemeckis e o corroteirista Bob Gale são abordados, vem à tona a pergunta: quando teremos um novo Back to the Future?

Já foi dito pela dupla criadora do DeLorean máquina do tempo que um remake, reboot ou nova continuação estão descartados. Chegaram a dizer até que isso aconteceria em caso de os dois morrerem.

Por conta de “Back to the Furture: The Musical”, espetáculo britânico inspirado no filme de 1985 que acaba de estrear na Broadway, Gale foi mais uma vez perguntado sobre a possibilidade de um quarto filme. Quando, em entrevista à Variety, o assunto foi abordado, ele respondeu: “As pessoas dizem: ‘Por que vocês não fazem De Volta para o Futuro Parte 4?'”, disse ele. “Quando eles dizem isso, estão dizendo: ‘Quero algo que me faça sentir tão bem quanto o original.’ Isso é o que [a versão para os palcos de De Volta para o Futuro] é. Essa é a sensação que você vai ter aqui quando vir esse show. Não há necessidade de voltar a esse poço. Você já viu muitas pessoas voltarem demais vezes. Como já disse muitas vezes, os personagens de De Volta para o Futuro são minha família, meus filhos. Você não vende seus filhos para a prostituição.”

Com essa declaração, não é difícil afirmar que continuam muito pequenas as chances de vermos um novo De Volta Para o Futuro tão cedo.

*Informação via CBR

Leia mais sobre De Volta Para o Futuro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *