em

Educação – Simples e encantador

Educação é um filme inteligente, com um humor refinado, um roteiro exemplar e grande elenco.Educação - Simples e encantador | Filmes | Revista Ambrosia

A estreante Carey Mulligan rouba a cena como uma adolescente comum, de classe média que tem pais conservadores. Jenny faz tudo de acordo com a vontade de seu pai Jack (Alfred Molina). Pratica violoncelo, mas não vai a concertos e nem pode deixar a banda da escola. Ele a proibe de ouvir seus discos franceses favoritos e Deus a perdoe se por acaso ela pensar por si mesma.
Até que ela conhece David (Peter Sarsgaard), um homem mais velhos, culto e charmoso que lhe oferece incríveis oportunidades. Jenny então se entrega a novas aventuras. Consertos de ópera, bares, leilões chiques, festas e viagens. A cada novo passo que dá, a mudança é notável aos nossos olhos. Antes víamos uma cidade fria, escura, chuvosa.

Educação - Simples e encantador | Filmes | Revista Ambrosia
Jenny antes de David.

Conforme Jenny desabrocha para novas experiências, tudo a sua volta ganha mais cor, mais vida. Seu penteado muda, suas roupas ficam mais estilosas e os cenários fica mais rico em detalhes, tudo isso acontece de forma sutil e delicada.
É divertido ver David e Jenny dando voltas e mais voltas em seu pai para que eles possam sair tranquilamente. São leves mentiras que chegam sempre regadas a muitas histórias fantásticas.
Uma ida a um concerto de música clássica com a Tia Helen (Rosamund Pike), que é na verdade a namorada de Danny (Dominic Cooper), amigo inseparável de David. Uma viagem a Oxford, a prentensa faculdade na qual seu pai quer que ela consiga entrar, com o pretexto de visitar C.S. Lewis, antigo professor de David. E finalmente a viagem a Paris, um antigo sonho de Jenny e bem na semana do seu aniversário. David mais uma vez consegue a proeza.

Educação - Simples e encantador | Filmes | Revista Ambrosia
Jenny com David em Paris.

Jenny está levando a vida que sempre quis, nada da chatice de sua vidinha de estudante. Nada de estudar latim, praticar tchelo, nem fazer testes e mais testes. Ela finalmente tem uma aventura. Suas colegas de classe estão empolgadas, mas sua professora Srta. Stubs (Olivia Williams) e diretora (Emma Thompson numa participação super especial) acham que ela pode ter muito mais. Não concordam com seu relacionamento com um playboy. A diretora e ela tem uma conversa bem franca e Jenny acaba deixando a escola, noiva de David. Seu pai acha tudo o máximo, diz que ela não precisa mais estudar, nem passar na faculdade pois vai ter um marido rico. Jenny fica confusa,  para que ela estudou tanto se sacrificou ano após ano, se tudo o que era necessário era encontrar um bom marido?
Então tudo desaba e a verdade sobre David vem a tona. Seus pais ficam desolados e ela mais ainda. Como pôde deixar tudo por causa dele?
E tudo volta a ser frio, escuro e chuvoso novamente. O pai tenta anima-la, no que ela de bate pronto responde num diálogo excelente entre os dois. As vezes nós esquecemos que nem tudo que reluz é ouro. E Jenny aprende de um jeito bastante inusitado. Ela aprende sua lição e volta ao seu caminho inicial, escola e faculdade, porque mesmo por alguns meses, começar do final não tem muita graça.

Alfred Molina e Carey Mulligan juntos adoçam esse filme de um jeito único. Uma belíssima surpresa na corrida do Oscar. Mulligan concorre a sua primeira indicação como Melhor Atriz  junto com Meryl Streep, Sandra Bullock, Hellen Mirren e Gabourey Sidibe outra estreante.

Melissa.

alguém opinou!

Deixe sua opinião!

Deixe sua opinião

HQ Digital: Malvados

Sexta em Famílias – Brothers and Sisters: A Valued Family