em

Justiceiro pode ganhar nova Classificação Etária

O que já era ruim, está ficando pior. A Lionsgate, produtora do próximo filme do Justiceiro quer de todas as formas jogar a classificação etária do filme de R (Menores de 17 apenas com representantes ou adultos) para PG-13 (ou no Brasil, 14 anos).

Novamente, quem está na crista da onda é o site AICN que já havia dado a notícia de que a diretora Lexi Alexander havia sido demitida da produção após o final das gravações.

A informação que Alexander foi demitida fica ainda mais nítida quando se visita seu site oficial. Todas as referências ao filme foram apagadas e no post de 30 de Julho de 2008 ela diz o seguinte:

“Well, since I’m not using this site as an information source anymore, I figured it could be a “vision board”. (“Bem, como eu não posso mais usar esse site como fonte de informação, eu imaginei que poderia usar ele como uma prancha de imagens”)

E no último parágrafo, ela fala sobre o dispositivo de segurança do Bugatti Veyron que explode seus pneus se ele andar muito rápido por mais de 15 minutos, e diz que esse dispositivo deveria existir nos seres humanos quando eles fossem muito maldosos.

A única razão que eu posso vislumbrar para que a produtora queira a classificação etária mais baixa é por causa do filme do Batman que foi PG-13 (14 anos) e a Lionsgate quer dinheiro também. O problema é que o Justiceiro mata pessoas a baldadas e o Batman não.

Mais uma prova de que as produtoras de cinema não sabem fazer filmes baseados em quadrinhos. A Marvel fez a coisa certa ao criar sua própria produtora, mas as franquias já vendidas agora tem que ser respeitadas. Uma pena.

J.R. Dib

Avatar

Publicado por J.R. Dib

A cultura, o cinema, a arte, a justiça e a literatura unidas em prol de uma melhor sociedade. Advogar, viver e difundir cultura e aprender a cada dia mais, buscando novos desafios e descobrindo a beleza e a doçura de cada objetivo como Advogado, Editor e Colunista.