Cultura colaborativa! Participe, publique e ganhe pelo seu conteúdo!

Purefold de Ridley Scott e Blade Runner

Tentando ampliar o universo de Blade Runner, sem citar os elementos protegidos por direitos autorais, o diretor Ridley Scott vai lançar junto de seu irmão Tony e filho, Luke, uma série de curtas na internet chamado Purefold.

blade-runner

Segundo o NYTimes, os curtas de 5 a 10 minutos de duração irão se passar antes dos eventos mostrados no filme de 1982 (que se passa em 2019), porém, sem usar dos elementos criados por Philip K. Dick em seu livro “Do Androids Dream of Electric Sheep?”, respeitando-se assim o original.

A equipe de Scott estará trabalhando com o estúdio independente Ag8 e terá uma linha de comunicação com os fãs chamada FriendFeed, onde estes poderão dar idéias para as histórias via internet.

A fim de mostrar isso, todos os episódios serão lançados sob o selo de copyright conhecido como Creative Commons, ou seja, qualquer um poderá baixar os episódios e remixar, modificar a seu próprio contento e até mesmo postar estas comercialmente sob a mesma licença. Este tipo de licença é uma nova forma de repassar qualquer tipo de informação neste mundo globalizado, onde, qualquer um poderá modificar qualquer tipo de mídia de outro, desde que seu trabalho cite o original e seja postado sob a mesma licença, ou seja, de possibilitar que outros peguem seu trabalho modificado e o modifiquem também.

Talvez esta seja a grande sacada de Purefold. Permitir que os fãs façam a história criar asas, sempre respeitando o original ao citá-lo, e dando a possibilidade de novos talentos virem e criarem algo totalmente fantástico que nunca poderia ter sido imaginado pelos criadores originais.

Quando se falava na possibilidade de um remake de Blade Runner, eu ficava puto da vida, porém, este tipo de projeto, se bem elaborado, pode criar e até ampliar um universo que tem imensas possibilidades. Eu, como fã do original, fico muito interessado nessa possibilidade.

J.R. Dib

Compartilhar Publicação
Link para Compartilhar
Publicação Anterior

E3: As Booth Babes

Próxima publicação

Final de Planetary finalmente anunciado!

Comentários 1
  1. Maneiríssimo! Pode ser um trabalho impressionante se a comunidade se empolgar. Fora que deverá reavivar Blade Runner para muita gente ai, já que a série ficou meio esquecida quando comparamos a outras obras menores do mesmo período

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia a seguir