Saem as primeiras impressões de "Tenet" | Filmes | Revista Ambrosia
em

Saem as primeiras impressões de “Tenet”

Novo filme de Christopher Nolan divide opiniões

O próximo e aguardadíssimo filme de Christopher Nolan, “Tenet”, já foi assistido por críticos de veículos no exterior.

Previsto para 17 de julho, o longa de ficção científica foi adiado por conta da pandemia da Covid-19 e será o primeiro grande lançamento cinematográfico desde o início da crise sanitária mundial. No Brasil está com estreia marcada para 10 de setembro.

As primeiras críticas foram reveladas e estão divididas. Abaixo, um apanhado do que foi dito sobre o filme pelos jornalistas estrangeiros que já assistiram.

The Telegraph

Robbie Colin do The Telegraph deu cinco estrelas, chamando Tenet de “filme perfeito para nos levar de volta aos cinemas”.

“Este é um filme que fará com que muitos agitem as mãos em confusão – e muitos mais, espero, aplaudam com com admiração e alegria”, escreveu ele.

Empire

Alex Godfrey, da Empire, chamou o filme de “ferozmente divertido” em sua crítica de quatro estrelas. “Tenet prova mais uma vez o compromisso eterno de Nolan com as emoções e emoções das telas grandes”, escreveu ele. “Há muita coisa acontecendo neste filme, para ressuscitar o cinema, para afastar as pessoas de suas televisões, máscaras e tudo. Pode muito bem funcionar.”

Variety

Para a revista, “o filme acabar sendo mais direto – por mais ornamentado que seja – do que nossa mais selvagem especulação sobre ele é bastante desarmante … Mais uma vez, suas reflexões estão mais enraizadas na física do que na filosofia ou psicologia, com o gancho do filme – que você pode mudar o mundo não viajando no tempo, mas invertendo-o – explorado em termos de como funciona na prática, não como faz as pessoas se sentirem ”

NME

O crítico Nick Levine premiou o filme com cinco estrelas, chamando Tenet o filme que “confirma Nolan como o mestre do blockbuster cerebral”.

“Tenet raramente é menos do que emocionante de assistir”, diz a revisão. “É um filme desafiador, ambicioso e genuinamente original, repleto de atuações atraentes – Washington e Debicki são especialmente excelentes.”

The Metro

Nola Ojumo, do The Metro, escreveu em sua crítica de quatro estrelas: “O princípio de Christopher Nolan é outra maravilha alucinante que investiga os meandros da física enquanto apresenta um thriller de ação em ritmo acelerado”.

The i

Joseph Walsh de The i escreveu em sua crítica de quatro estrelas: “Nolan é único na paisagem cinematográfica, sendo o herdeiro de Kubrick e Hitchcock aparente. Mas, como costuma acontecer, sua abordagem metódica pode parecer fria. No entanto … Tenet é rico em ideias, excepcionalmente elaborado e uma ficção científica extremamente ambiciosa. ”

The Guardian

Catherine Shoard, do Guardian, atribuiu duas estrelas, dizendo que Tenet não compensa a ida ao cinema. “Não é um filme que vale a pena enfrentar o perrengue de uma ida até uma tela grande para ver, não importa o quão seguro seja.”

A crítica acrescenta: “Não tenho nem certeza de que, em cinco anos, valeria a pena ficar acordado para assistir à televisão. Dizer isso é triste, talvez herético. Mas para o público abandonar suas salas de estar após um longo prazo, é melhor que a primeira cenoura não deixe um gosto ruim.”

Indiewire

O Indiewire diz que o filme tem pouca substância e muito barulho. “A esperança é que Nolan possa impulsionar esse processo industrial com algum brilho, como fez esporadicamente em “A Origem” e até mesmo em “Interestelar”, de 2014. Com Tenet, ele está cada vez mais preso em suas próprias maquinações: Nolan posiciona seus atores como porta-vozes, nomeados para responder e desviar consultas de sua base de clientes ”.

Slash Films

O veículo acusa Tenet de pecar pelo excesso de explicação, reclamação comum em relação aos filmes de Nolan. “O filme fornece quase tantas linhas de exposição quanto rajadas de balas, com até mesmo as observações finais do filme fornecendo uma explicação aberta dos eventos que acabaram de acontecer. Pode ser um pouco frustrante se você prestou muita atenção ao longo do trajeto, mas talvez seja difícil culpar a necessidade. O resultado final, infelizmente, é um filme que se apresenta como mais denso do que realmente é, desanimador para alguns, mas repetitivo e previsível para aqueles que conhecem o truque de mágica que Nolan está tentando realizar ”.

Participe com sua opinião!