Fernando Favaretto lança, pela Editora Bestiário, seu quarto romance

Sessão de autógrafos de ‘Sacadas, pra quê?’ ocorre em Porto Alegre.
Fernando Favaretto lança, pela Editora Bestiário, seu quarto romance – Ambrosia
Fernando Favaretto – crédito: Isidoro B. Guggiana

O lançamento do quarto romance de Fernando Favaretto, Sacadas, pra quê? (Bestiário, 2023, 270 págs., R$ 62,00), será celebrado no dia 23 de março de 2023 (quinta-feira), a partir das 18h30min, no Espaço 900 (José do Patrocínio, 900), em Porto Alegre. A sessão de autógrafos terá entrada franca.

Além da ocasião no local, a obra poderá ser adquirida ainda pelo site da editora Bestiário, em breve, na Amazon; e, por enquanto, na Livraria Raízes, em Porto Alegre (Cristóvão Colombo, 2.199).

Sacadas, pra quê? é um romance GLBTQIA+ sobre liberdade, solidão e alteridade com pano de fundo político e tem como cenário a capital dos gaúchos, que acolheu o autor quando ele saiu do Vale do Taquari (RS) em busca da formação em Jornalismo. A Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), onde o escritor seguiu suas pós-graduações e atua profissionalmente, também tem destaque na obra – assim como a própria Porto Alegre, suas ruas, seus shoppings, seus bairros, seus cinemas, seus bares e seus pontos emblemáticos: Cidade Baixa, Redenção, Parcão, Orla do Guaíba, Monumento aos Açorianos, o Parque Marinha, o prédio do IPE, o Túnel da Conceição, o Hospital de Clínicas, a Praça da Anfândega…

Os principais fatos da história acontecem em novembro de 2018. Tudo começa quando Denson (um funcionário público de 30 anos que trabalha na Região Metropolitana) descobre, por acaso, que um rapaz com quem tinha ficado há uma semana, depois de meses conversando somente pela internet, está desaparecido. Envolvido com um taxista casado, Denson se aproxima do melhor amigo do sumido rapaz e, enquanto se vê envolto em novos problemas, vai sendo confrontado com questões antigas que precisam ser resolvidas. Enquanto bebem pelos bares de Porto Alegre e demonstram todo seu pessimismo e descrença com o futuro, Denson e seus amigos também repensam suas formas de amar, de desejar e de construir relações.

A obra está estruturada em oito capítulos, cada um dedicado a um dia da última semana de Feira do Livro em Porto Alegre, logo após o resultado do segundo turno das eleições presidenciais de 2018, que interfere diretamente no emocional dos personagens do enredo. No panorama, por exemplo, estão os cortes de verbas para as universidades públicas, a mudança que as cotas imprimiram nas federais e até uma discussão sobre o efeito do fechamento da exposição Queermuseu.

Sobre o processo criativo de Sacadas…, Favaretto relata que a trama foi idealizada no mesmo período histórico em que se desenrola, mas que a narrativa recebeu sua revisão e retoques finais em 2020, durante o primeiro ano de isolamento social devido à pandemia de Covid-19.

“Este romance fala de como nos construímos na relação com os outros, mediados por muitas alternativas digitais que nos ajudam a criar identidades diferentes, a inventar modos de ser e estar no mundo. Fala de como jogamos com a verdade e com a mentira na nossa dimensão social, afetiva, sexual, política, familiar. Fala também de como olhamos as pessoas e as situações, ou de como nos fechamos pra elas”, comenta o escritor.

Sobre o autor:Fernando Favaretto, nascido em Sério (RS) em 1977, é jornalista, professor e escritor. Formado em Letras e Jornalismo, possui mestrado e doutorado em Educação pela UFRGS. Trabalhou como professor da Rede Pública Estadual do Rio Grande do Sul, atuou em cursos de Especialização a Distância e é diretor da UFRGS TV desde 2006. Além de ter participado de algumas coletâneas de poemas, publicou três romances: Sobre dores, amores e uma panela velha (2013), Ninguém me explicou na escola (2014) e Entre a meia-noite e o fim do inverno (2015).

Fernando Favaretto lança, pela Editora Bestiário, seu quarto romance – Ambrosia
Sacadas, pra quê? – crédito da capa: e-design/Bestiário

SACADAS, PARA QUÊ?, quarto romance de Fernando Favaretto

Editora: Bestiário (RS)

Coordenação editorial: Roberto Schmitt-Prym 

Trama: Um funcionário público de 30 anos, um estudante de Engenharia desaparecido, um taxista casado de vida dupla. Três homens que se encontram e desencontram em uma Porto Alegre triste e ruidosa. Ao longo de uma semana, logo após o segundo turno das eleições de 2018, eles são confrontados com seus desejos, seus amores e seus segredos.

Páginas: 270

Preço de capa: R$ 62,00

À venda pelo site da editora (com frete grátis), Amazon ou na livraria Raízes (Porto Alegre) 

Serviço

Lançamento: 23 de março de 2023 (quinta-feira), a partir das 18h30min

Local: Espaço 900 (José do Patrocínio, 900 – Cidade Baixa – Porto Alegre)

Atração: sessão de autógrafos com o autor e bate-papo sobre o processo criativo da obra

Entrada franca

Total
0
Links
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ant
WRY relança álbum “Aurora” em vinil
WRY relança álbum “Aurora” em vinil – Ambrosia

WRY relança álbum “Aurora” em vinil

Banda que ajuda a contar a história do underground e do indie rock brasileiro há

Prox
TV St’Art, a primeira web tv para as 11 artes!
TV St'Art, a primeira web tv para as 11 artes! – Ambrosia

TV St’Art, a primeira web tv para as 11 artes!

O Studio Nana Higa estreia sua TV ST’ART, a primeira web tv focada em

Sugestões para você: