em ,

Clipe de Daniela Mercury com Caetano Veloso é alvo de protestos por apoiadores de Bolsonaro

“Proibido o Carnaval”, novo clipe de Daniela Mercury em parceria com Caetano Veloso está gerando polêmica e boicotes junto aos apoiadores do presidente Jair Bolsonaro e seu governo.
Com ações nas redes sociais, ‘cidadãos de direita’ conclamam seu similares para promover uma montanha de dislikes e comentários negativos na página do YouTube e nas redes sociais dos artistas. Até o momento da publicação deste texto, nesta segunda 11 de fevereiro, o vídeo já superou 370 mil dislikes, contra 120 mil curtidas.

“Abra a porta desse armário/ Que não tem censura pra me segurar/ Abra a porta desse armário/ Que alegria cura, venha me beijar”, diz a música, cujo clipe foi gravado em um hotel no centro histórico de Salvador com 14 bailarinos e 12 modelos e apresenta uma festa de Carnaval ‘sem censura’.
Apesar de todas críticas, toda polêmica em torno do vídeo já tornou o clipe o mais assistido do canal de Daniela Mercury com mais de 2 milhões de visualizações.

Deixe sua opinião

Anthem – Trailer de lançamento

A Fada das Pedrinhas