em , , ,

DOSSEL lança single que propõe a força do coletivo pra navegar em tempos tempestuosos

No meio de tempos tão confusos, DOSSEL propõe um respiro. “A Vela e o Sopro”, novo single do produtor e compositor Roberto Barrucho, é um chamamento para o fortalecimento pessoal em busca de um amanhã mais calmo. Esse é o terceiro e último single antes do disco de estreia do projeto solo do artista.
Inspirado na obra de Moacir Santos, Djalma Corrêa, Os Tincoãs e Dorival Caymmi, o novo single de DOSSEL versa, com esperança, sobre os encontros. Isso é algo comum nas canções de Barrucho, que tratam do fluxo da vida contemporânea em contraponto à correria comum das grandes cidades.

“’A Vela e o Sopro” é uma música para se sobrepor, respirar acima da lama, ao se ver acolhido pelo todo, temos nosso ser potencializado por vir a ser e servir. A gente injeta energia no coletivo, ele nos devolve a energia múltipla e multiplicada”,  diz Roberto.
Forte nos bastidores da cena carioca, Roberto Barrucho foi produtor cultural e curador no coletivo Norte Comum, atuando à frente de projetos como Geringonça (SESC Tijuca) e Contemporâneos (Funarte). Também foi gestor da 57 Casa Aberta, um espaço cultural localizado no bairro do Rocha, Zona Norte do Rio de Janeiro, que em pouco tempo se tornou uma referência no circuito independente de música da cidade. Além disso, ele é sonoplasta e editor de áudio das Rádios Mec e Nacional.
Sua produção artística como compositor já escoa na voz de outros artistas como Mahmundi, com quem ganhou, em 2013, o prêmio Multishow de Música Brasileira na categoria Novo Hit, como co-autor da música “Calor do Amor”. Como DOSSEL, ele estreou em Novembro de 2017, com a faixa “AMNST”, em parceria com Lucas Vasconcellos e lançou “Canoa Nova” em meados desse ano.
“Meu trabalho como produtor cultural se inicia posteriormente ao movimento de pensar música, compor. Lá pelos 20 anos, decidi tocar e fazer alguns shows, e então tive vontade de atuar na cadeia da música procurando produzir autonomia para projetos independentes. O trabalho como produtor, à medida que soma em alguns aspectos no caminho do compositor, não interfere diretamente, já que compondo busco uma imparcialidade e um desligamento do universo externo, a fim de entrar em contato com idéias e visões mais pessoais e peculiares”, finaliza DOSSEL.O álbum de estreia do artista será lançado em 2019.

Deixe sua opinião

Publicado por Build Up Media

Reggae de Edson Gomes & Cão de Raça invade a Comedoria do Sesc Belenzinho

Kamasi Washington fará show no Rio, São Paulo e Porto Alegre