Gustavo Carvalho interpreta Schumann e Debussy na Sala Cecília Meireles

8
0

A Sala Cecília Meireles, um espaço FUNARJ, apresenta sexta-feira, dia 19 de agosto, às 19 horas, dentro da Série Pianistas, Gustavo Carvalho. No repertório, obras de Robert Schumann e Claude Debussy.

O espetáculo terá transmissão pelo YouTube da Sala e pela TV Alerj.

A Temporada 2022 da Sala Cecília Meireles tem o patrocínio da Petrobras e da Vale.

Ingressos a 40,00 na bilheteria ou no site da Sala: salaceciliameireles.rj.gov.br

SCM – sexta, dia 19, 19h – ingressos: 40,00 – com público presencial e transmissão pela tv Alerj

Série Pianistas

Gustavo Carvalho, piano

PROGRAMA:

Robert Schumann (1810-1856)

Arabesque, op. 18

Robert Schumann (1810-1856)

Kreisleriana op. 16

Intervalo

Claude Debussy (1862-1918)

Prelúdios (primeiro caderno)

1 – Danseuses de Delphes

2 – Voiles

3 – Le vent dans la plaine

4 – Les sons et les parfums tournent dans l’air du soir

5 – Les collines d’Anacapri

6 – Des pas sur la neige

7 – Ce qu’a vu le vent d’Ouest

8 –  La fille aux cheveux de lin

9 – La sérénade interrompue

10 – La Cathédrale engloutie

11- La danse de Puck

12 – Minstrels

Gustavo Carvalho apresentou-se como solista de diversas orquestras, sob a regência de Howard aGriffiths, Yuri Bashmet, Ira Levin e Evheny Bushkov, entre outros. Se apresentou em importantes salas de concerto, tais como a Tonhalle de Zurique, Musikverein de Viena, Auditorium du Louvre, Philharmonie am Gasteig de Munique e a Grande Sala do Conservatório Tchaikovsky de Moscou e é frequentemente convidado de prestigiados festivais tais como o Piano aux Jacobins, o festival de Mecklenburg Vorpommern, Prussia Cove ou Stift. Como camerista, teve a oportunidade de colaborar com os violinistas Geza Hosszu-Legocky e Daniel Rowland, os pianistas Nelson Freire e Elisso Virsaladze, a soprano Eliane Coelho e com membros das Orquestras Filarmônicas de Viena e Berlim. O seu interesse pela música contemporânea proporcionou-lhe colaborações com diversos compositores de renome no cenário internacional tais como György Kurtág, Samir Odeh-Tamimi, Harry Crowl e Sérgio Rodrigo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *