Julio Ferraz retrata tragédias sociais urbanas em novo single

25
0
Julio Ferraz

“Corações Solitários”, o mais recente single do músico pernambucano Júlio Ferraz, retrata de forma comovente o abandono daqueles que são negligenciados em áreas de risco. Inspirado pelas tragédias naturais que assolam cidades em todo o país sem que haja mudanças sociais, esse single sensível expressa a tristeza de um país marcado pela desigualdade.

Esse lançamento marca o início da divulgação do novo trabalho de Júlio, intitulado “O Soturno Jarro Diamante”. O single é apenas uma amostra do álbum completo, que promete explorar temas psicológicos e evocar emoções profundas que todos nós podemos nos identificar.

Júlio Ferraz é um músico, compositor e arranjador que iniciou sua carreira em 2006 com a banda Novanguarda, conhecida por sua mistura de rock de garagem e elementos psicodélicos, o que lhe rendeu reconhecimento em todo o país. Em 2016, lançou seu primeiro álbum solo, intitulado “A Ilha da Inconsciência no Espelho Polifônico das Bifurcações do Tempo”. Sua música incorpora uma variedade de elementos, incluindo psicodelia, tropicalismo, jazz e folk.

Após anos de trabalho intenso em estúdio, Júlio anunciou em 2020 o show “Freak Bananas”, apresentando material lançado nos últimos quatro anos, explorando sua liberdade artística e celebrando o caos e o amor. Infelizmente, as apresentações ao vivo foram interrompidas devido à pandemia de COVID-19. Durante esse período de confinamento, o artista aproveitou para experimentar novas abordagens e sonoridades.

Durante o período de isolamento social, Júlio lançou o EP “Lampejos” e o álbum ao vivo “Quarentine Live”, este último gravado em sua própria casa por meio de transmissões online. Em janeiro de 2021, ele lançou o álbum de estúdio “Orbe Onírico” e, em dezembro do mesmo ano, lançou o single “Travessia Boa Viagem”, que incluiu a faixa “Algoz” no lado B. Agora, ele está se preparando para lançar seu quinto álbum solo, abrindo um novo capítulo em sua carreira.

“Corações Solitários” é um lançamento do selo Discobertas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *