No Ar Coquetel Molotov terá Marcelo D2, FBC, Bixarte, Luedji Luna, Afroito e Tuyo no Campus da UFPE

No Ar Coquetel Molotov terá Marcelo D2, FBC, Bixarte, Luedji Luna, Afroito e Tuyo no Campus da UFPE – Ambrosia

A 20ª edição do No Ar Coquetel Molotov acontece no dia 21 de outubro (sábado), no Campus da UFPE, no Recife. E a comemoração não poderia ficar completa se não pudesse contemplar o público de outros lugares. Pela primeira vez, o evento terá uma transmissão completa pelo seu canal do YouTube, em parceria com o Fábrica Estúdios. 

Além de assistir aos shows de casa, o público também poderá acompanhar a cobertura feita pelas redes sociais do Coquetel, diretamente do festival. A partir do sábado (21), a comunicação será feita a partir do Campus da UFPE, envolvendo todos os colaboradores do evento.

Em 2023, o No Ar Coquetel Molotov retorna à Cidade Universitária com um time de nomes conhecidos em diversos estilos musicais. Do pop ao rock, do samba ao funk, o que não falta é a diversidade no festival.

SOBRE O NO AR COQUETEL MOLOTOV

Desde 2004, o festival No Ar Coquetel Molotov tem sido um farol na música independente no Brasil. Ao longo de duas décadas trouxe à tona talentos emergentes e artistas consagrados que desafiam as convenções musicais.

Com três palcos (Coquetel Molotov, Natura e KMKAZE) e a presença de artistas como Marcelo D2, Luedji Luna, FBC, Tuyo, Afroito, Bixarte, Irmãs de PauBadsista Boogarins toca Clube da Esquina, o Festival conta com mais de 20 atrações.

O line-up desta 20ª edição do No Ar Coquetel Molotov reforça seu compromisso com a representatividade da música brasileira em suas mais diversas formas, indo do hip-hop à MPB, passando pelo samba e pela música eletrônica. É um festival inclusivo e comprometido com a iniciativa Keychange, colocando artistas femininas nesta programação de palco, além de estar engajado em pautas de inclusão com uma equipe técnica composta também por pessoas LGBTQIAP+ e PCDs e com curadoria de uma feira de empreendedorismo pela Futuro Black.

PALCO COQUETEL MOLOTOV

No principal palco do evento, o público verá a chegada de grandes nomes da música brasileira, como Marcelo D2 e Luedji Luna, revelações como N.I.N.A., Afroito, MC Luanna, ÀTTØØXXÁ FBC. Estas duas últimas atrações vêm com shows especiais, convidando artistas a exemplo de Ciel e Ana Suav com os baianos e UANA junto ao rapper mineiro. 

Vindo ao Brasil através do edital Cultura Circular do British Council, o multifacetado músico londrino Gaika apresenta o seu último disco “Drift”. A experiência do artista no dance hall e o interesse por samples significam que, como produtor e MC, ele pode se inspirar em muitas fontes. Em sua apresentação, Gaika vem se somar aos ritmos afrobrasileiros do Afoxé Oyá Alaxé

Desde os anos 90 espalhando beats pelo mundo, Marcelo D2 chega pela primeira vez ao festival No Ar Coquetel Molotov e traz consigo na mala o show de seu novo disco, “IBORU”.

Luedji Luna retorna ao line-up do No Ar a pedidos do público e para celebrar um novo momento em sua carreira. A cantora baiana volta ao Recife para apresentar músicas do seu mais recente álbum, “Bom mesmo é estar debaixo d’água – Deluxe” e os maiores sucessos da sua discografia. 

Lançando seu novo trabalho com o disco “O amor, o perdão e a tecnologia irão nos levar para outro planeta”, FBC explora as fases da dance music enquanto promove rimas sobre o amor e suas complexidades. A cantora pernambucana UANA fará participação especial no show, sendo esta a primeira vez dos dois juntos num palco no Recife.

Um dos principais nomes em ascensão na cena do Grime e Drill no país, N.I.N.A se destacou pelo seu primeiro álbum, “Pele”, lançado ano passado. A cantora conquista seu próprio público e vira sensação na cena carioca com seus versos cheios de rima e potência, caminhando como atração principal em grandes eventos.

Revelação pernambucana, Afroito é considerado a nova aposta da música contemporânea e popular. Em seu disco de estreia, “Menga”, o artista reverencia o coco e a ancestralidade na música. 

Com rimas aguçadas e ligeiras, MC Luanna apresenta o seu universo com confiança e firmeza. Nascida na Bahia e moradora da cidade de São Paulo, a rapper é conhecida por trazer para o rap e trap brasileiro composições que exaltam a sagacidade da mulher preta e de favela. 

Ainda como parte dos shows no Palco Coquetel, a “batedeira baiana” ÀTTØØXXÁ chega ao festival pela primeira vez. O grupo mistura pagodão, ritmo urbano originário do samba, e sons periféricos de várias partes do Brasil e do mundo com o que há de mais contemporâneo na produção do “bass culture” mundial, do sound system à música eletrônica. 

Em sua segunda passagem pelo festival, o grupo baiano recebe a rapper amazonense Anna Suav, conhecida por pontuar a necessidade de demarcar questões de representatividade negra e feminina nas letras de suas composições, e o pernambucano Ciel, que se dedica a reinventar sonoridades e performances em seus trabalhos autorais. Anna Suav e Ciel foram artistas selecionados pela plataforma “Tudo Nosso”, uma iniciativa Devassa que busca aumentar a presença da população negra nos espaços de cultura, lazer e entretenimento. 

PALCO NATURA

Lançamento da Natura Musical, Bixarte vem com o show “Traviarcado”, apostando em ritmos latinos, etnopop, trap, batidas do Kettu e influências de R&B. 

Brisa Flow é uma artista transdisciplinar, que trabalha com linguagens musicais misturando seu rap com cantos ancestrais, jazz, eletrônico e neo/soul. Sua música é um um encontro com as energias da Terra. 

Após estreia em especial gravado para o canal Multishow, o show “Boogarins toca Clube da Esquina” atraiu grande interesse do público e foi apresentado ao vivo pela primeira vez no palco do festival MECA Inhotim, em 2022. Com a repercussão extremamente positiva, a banda decidiu expandir o projeto em 2023, trazendo releituras únicas que percorrem para além do clássico álbum de 1972. Formada em 2012 e contando com seis álbuns de estúdio e uma indicação ao Grammy Latino, o quarteto psicodélico de Goiânia é responsável por um som inebriante, que acumula fãs pelo mundo afora.

Promovendo uma mistura através de referências como o rock alternativo e o brega, a banda pernambucana O Quartinho procura trazer uma identidade musical nova e criativa. O grupo busca inspiração nas experiências sonoras e afetivas vividas no Recife. Junto a eles neste show especial está Katarina Nápoles, vocalista da banda recifense Guma.

Sempre guiado pela complexidade das emoções humanas e em constante movimento, o trio Tuyo forma uma combinação de sentimentos e sons difícil de ser encaixada em algum rótulo. Transitando entre organicidade e texturas eletrônicas, o trio formado por Machado, Lio e Lay Soares passa pelo folk e vai desde o lo-fi hip-hop até o synth pop. 

Cria das favelas de Fortaleza, o multiartista Mateus Fazeno Rock busca contrapor às formas hegemônicas de criar rock, sob as influências do grunge, punk, funk nacional, rap, reggae, dub e R&B. Recentemente o músico lançou o seu segundo disco, “Jesus Ñ voltará”, que conta com participações de artistas como Jup do Bairro, Brisa Flow, Mutante, Big Léo e Má Dame. 

Considerada pela CNN Brasil como uma das 10 cantoras que vão mudar o cenário da Música Brasileira, Bebé Salvego já foi comparada às divas do Jazz como Billie Holiday e Sarah Vaughan. Lançou em 2021 seu primeiro álbum autoral “Bebé” com uma proposta de nova estética sonora, sendo indicada na Categoria “Revelação do Ano” pela Women Music Events Awards 2022. Neste dia no Palco Natura, a cantora recebe o jovem compositor alagoano, Bruno Berle.

Formado pelo casal musical Lovefoxxx e Chuck Hipolitho, o TUM faz o seu primeiro show no Recife para mostrar o repertório do álbum de estreia, ainda inédito. Diferente das bandas que os músicos tinham antes, o TUM move um outro tipo de energia. O espaço vazio faz parte das composições, que são minimalistas, com elementos sintéticos, guitarra, baixo e voz.

PALCO KMKAZE

Com relação ao line-up do palco KMKAZE, que chega à sua segunda edição, a curadora Libra Lima salienta que a missão continua a mesma que garantiu o sucesso no ano anterior. “Mapeamos artistas da música experimental e autoral eletrônica brasileira. A experiência do palco 360° cria essa estufa sonora que transporta o público para dentro das pesquisas dos artistas presentes no kamikaze, que este ano trazem o que há de mais novo e audacioso entre as experimentações da nova cena nordestina e nacional”.

Conhecida por fundir estilos de global bass com melodias tropicais e ritmos brasileiros, Deekapz é uma dupla de Campinas (SP). O duo transita entre grooves e referências de um cenário mais conceitual, clean, com beats mais limpos e envolventes. 

E quem também vem se destacando na cena e aporta no festival são as Irmãs de Pau. A dupla que bombou com o disco de estreia, “Dotadas”, está pronta para fazer o público ferver. 

A carioca Jacquelone tem como principal influência o hip-hop, viajando em singulares mixagens pelos infinitos territórios dos gêneros e subgêneros da música preta underground eletrônica. 

Foi se jogando no mundo que BADSISTA tornou-se produtora, cantora, DJ, compositora e multi-instrumentista. Sua explosão criativa, que apoia e celebra a comunidade LGBTQIA+, atinge um equilíbrio sedutor entre sons experimentais e comerciais..

O rapper RHR também marca presença na programação, trazendo uma sonoridade focada no dark electro, baile funk e guetto tech. O músico busca inspiração nos ritmos brasileiros e elementos periféricos, com os quais já traçou uma conexão ao longo de sua carreira.

O line-up também perscruta por novos talentos que estão surgindo em Pernambuco. A DJ e produtora Geni movimenta a cena recifense desde 2017. A artista é conhecida pela identidade sonora ardente, que engloba gêneros como club music, electro, funk, dembow e guaracha.

Ainda representando a abundância de ritmos, Maria Boneka leva o selo “Baile da Boneka” ao evento. Contrariando estatísticas e tendo seu local de fala vindo da favela, Boneka enxerga no seu corpo preto, trans e favelado a potência que estimula curar sonoridades com produções pretas e de maioria femininas, relacionadas ao hip-hop, R&B, rap, trap, ragga, dance hall, brega funk, funk e reggae.

Para simbolizar toda a miscelânea cultural pernambucana, o Batestaca D’renor ocupa a programação do festival trazendo destaque e protagonismo para a cena eletrônica local. Nas picapes, o cofundador, curador e DJ residente da Batestaca, Pedro de Renor, apresenta um set com muito swing e groove, com recortes e manuseios de samplers ousados.

O palco ainda abriga a Batalha da Escadaria, um duelo de MCs, que existe desde 2008 no Recife. O evento é realizado na primeira e terceira sexta-feira de cada mês, na escadaria de uma loja no centro da capital pernambucana junto ao Beco da Fome, famoso ponto de encontro dos integrantes do movimento Hip Hop na cidade. Os MCs se inscrevem meia hora antes do início e as rimas são feitas no estilo Freestyle onde cada participante tem 45 segundos para duelar. O intercâmbio entre os MCs que acontece no evento é de suma importância para a criação de uma rede que visa fortalecer ainda mais o hip-hop local.

PATROCINADORES – O No Ar Coquetel Molotov tem patrocínio da Prefeitura do Recife e da Natura e da Devassa com Apoio da Moka, Livre de Assédio, Fábrica, Trend Mídia e British Council. O festival é filiado à Abrafin, WME e Keychange com realização da Coda Produções.

Serviço

Festival No Ar Coquetel Molotov – 20 Anos

Data: 21 de outubro de 2023 – A partir das 15h

Local: Campus da UFPE – Cidade Universitária – Recife/PE

Shows com: Marcelo D2, Luedji Luna, Bixarte, Tuyo, N.I.N.A., FBC convida UANA, Badsista, Irmãs de Pau, ÀTTØØXXÁ com Ciel e Ana Suav, Boogarins, Mateus Fazeno Rock e muitas outras atrações

Patrocínio: Natura e Prefeitura do Recife  

Apoio: Moka, Livre de Assédio, Edital Cultura Circular, British Council, Tudo Nosso Devassa, Fábrica e Trend Mídia 

Cerveja Oficial: Devassa

Festival Associado: Abrafin, WME e Keychange

Realização: Coda Produções

Ingressos à venda: https://www.sympla.com.br | Ponto físico no Recife: Casa Moinho (Rua do Futuro, 177, Graças)

Classificação Indicativa: 18 Anos | Pessoas a partir de 16 anos necessitam de autorização por escrito com formulário disponível na Sympla

Total
0
Links
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ant
Os Três Mosqueteiros: Milady divulga trailer
Os Três Mosqueteiros: Milady divulga trailer – Ambrosia

Os Três Mosqueteiros: Milady divulga trailer

Sequência de Os Três Mosqueteiros: D’Artagnan, Os Três Mosqueteiros: Milady

Prox
Digimon Adventure 02: O Início ganha trailer brasileiro
Digimon Adventure 02: O Início ganha trailer brasileiro – Ambrosia

Digimon Adventure 02: O Início ganha trailer brasileiro

Digimon Adventure 02: O Início, novo filme da franquia, teve um trailer completo

Sugestões para você: