Cultura colaborativa! Participe, publique e ganhe pelo seu conteúdo!

Samba de Colher lança registro ao vivo

Samba de Colher

O quarteto mineiro Samba de Colher, conhecido por sua interpretação única e feminista do pagode, está empenhado em levar a alegria do samba para lares em todo o Brasil. Após o lançamento do EP “Pagar pra Ver”, o grupo agora presenteia o público com um registro ao vivo, capturado no Beco JF, a mesma casa de shows onde as versões de estúdio foram gravadas. Este EP visual ao vivo é acompanhado por um mini-documentário que oferece uma visão do processo criativo e da paixão que impulsiona o Samba de Colher.

O Samba de Colher é composto pela cavaquinista Alessandra Crispin, pelas percussionistas Isabella Queiroz e Mariana Assis, e pela violonista Tamires Rampinelli, todas elas também responsáveis pelos vocais que dão vida à sonoridade do grupo.

Tamires Rampinelli, violonista do grupo, compartilha sua perspectiva sobre o projeto: “‘Pagar pra ver’ oferece, para aqueles que ainda não nos conhecem, a energia autêntica de nossas apresentações ao vivo. Percebemos que o nosso público – predominantemente feminino e LGBTQIAN+ – enxergava nossos shows como um espaço para conexões. Os resultados foram tão positivos que continuamos emocionadas até hoje.”

Compartilhar Publicação
Link para Compartilhar
Publicação Anterior

Para produtores, Disney aplicou golpe em nova série do Demolidor

Próxima publicação

CinePalco apresenta ‘Hocus Pocus, A Noite das Bruxas’

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia a seguir