“Só Mais Sim” é o novo single de Téo Ruiz

Estrela Leminski e Téo Ruiz

Téo Ruiz lança uma nova versão do single “Só Mais Sim”. A música é uma expressão apaixonada e traz um tom íntimo ao ser gravada em colaboração com Estrela Leminski, sua parceira. Lançada originalmente em 2019 como o primeiro single de sua carreira solo, a faixa chega agora aos serviços de streaming em uma versão gravada ao vivo na icônica Ópera de Arame, em Curitiba, durante a pandemia.

“Essa música eu fiz pra Estrela e ela trata de um sentimento de pertencimento e cumplicidade em um relacionamento, além de ser mais do que uma simples declaração de amor. É importante ressaltar que, em um relacionamento, não somos ‘donos’ um do outro, somos cúmplices. Por isso, ‘todos os sims que eu poderei te dar’. É uma canção leve que sempre é muito bem recebida pelo público, que logo começa a cantar junto, o que me proporciona uma sensação indescritível como compositor, pois as pessoas se identificam imediatamente com a mensagem”, conta Téo Ruiz.

Téo e Estrela estão resgatando faixas queridas pelo público, mas que não estavam disponíveis nas plataformas de streaming. Esses relançamentos marcam o início do trabalho de sua própria gravadora, que também engloba todas as obras da família, incluindo as composições de Alice Ruiz e Paulo Leminski. O lançamento mais recente foi uma versão alternativa de “Trago”.

Essas novas faixas se juntam a uma discografia repleta de marcos. O duo lançou três álbuns de estúdio: “Música de Ruiz” (2006), que em breve será relançado em versão remasterizada nas plataformas digitais; “São Sons” (2010), que conta com participações de importantes nomes da música brasileira, como André Abujamra, Anelis Assumpção, Ceumar e Ná Ozzetti, e que também foi lançado como DVD ao vivo; e “Tudo Que Não Quero Falar Sobre Amor” (2018), vencedor do Prêmio Profissionais da Música e com a música “Poliamor” presente nas playlists virais do Spotify.

O último álbum rendeu turnês especiais com apresentações nas Quintas do BNDES (RJ), Festival Se Rasgum (PA), Festival Morrostock (RS), Festival Psicodália (SC), Garanhuns (PE), Sescs de vários estados e duas turnês pela Europa. Em 2020, eles lançaram o single “Você não segurou o samba”, uma marchinha de carnaval premiada no 34° Festival de Marchinhas de São Luís do Paraitinga. Logo em seguida, em parceria com os DJs Vini Ruiz, Gerra G, Alonso Figueroa e Pogo, lançaram um EP de remix de algumas faixas do álbum “Tudo que não quero falar sobre amor”.

Além disso, o duo trabalhou em projetos especiais e em suas carreiras solo. Em 2014, Estrela lançou o projeto “Leminskanções”, que reúne uma parte significativa da obra musical de Paulo Leminski. Em 2016, em parceria com Bernardo Bravo, lançaram o EP “Trionírico”, a primeira gravação feita em seu estúdio caseiro, com produção da dupla. Em 2019, Téo lançou seu primeiro single solo, que agora recebe uma nova versão. Em 2021, Téo disponibilizou mais um single, “Deixa eu te falar”.

Estrela Leminski e Téo Ruiz refletem sobre essa jornada enquanto preparam os próximos passos. “Só Mais Sim (Ao Vivo)” está disponível em todas as plataformas de música digital.

Ficha técnica

Composição e interpretação de Téo Ruiz, feat Estrela Leminski

Músicos: Diego Perin (baixo), Douglas Vicente (bateria), Ruan de Castro (guitarra), Fernanda Cordeiro (trombone), Nicolas Salazar (saxofone)

Produção musical e arranjo de metais feito por Téo Ruiz, e arranjo instrumental feito pela banda

Serviço – turnê Portugal 2023

CALDAS DA RAINHA

21 junho – Simpósio de Música Independente

Silos Contentor Criativo

18h30 – 21h00

22 junho – Concerto: Estrela Leminski e Téo Ruiz

Local – Toca da Onça Bistro (Tv. da Cova da Onça 21, Caldas da Rainha)

22h00

LISBOA

23 junho – Leminskanções pocket show com Estrela Leminski e Téo Ruiz

Local – Valsa Valsa (Rua Angelina Vidal, 13-25)

21h00

COIMBRA

30 junho – Sarau Semana da Língua Portuguesa

20h00

Compartilhar Publicação
Link para Compartilhar
Publicação Anterior

Vampiro: A Máscara – Icônico RPG ganha nova versão em HQ da Galápagos

Próxima publicação

“Hail To The Thief” faz 20 anos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia a seguir