em ,

Valuá repagina “Insônia”, seu segundo álbum

A sonoridade plural da banda carioca Valuá ganha novos contornos em seu segundo disco de estúdio. O dançante “Insônia” reapresenta o trio com uma musicalidade mais abrangente, caminhando a linha tênue entre euforia e nostalgia, melancolia e diversão.

Antecipado pelo single “Veneno”, com participação especial de Potyguara Bardo,  o novo trabalho conta ainda com os convidados Rebeca (Gragoatá, Oriente) e Tomás Tróia (Duda Beat, El Efecto). “Insônia” já está disponível para audição nos principais serviços de streaming de música.

Valuá surgiu em 2011 e atualmente o trio é formado por Rodrigo Reis (vocalista), Carlo Aquino (baixo) e Gabriel Leite (bateria). Seu álbum de estreia, “Reflexo”, expôs o rock psicodélico da banda.

As inspirações agora mesclam o clima retrô de Daft Punk, Boogarins, Céu e Harry Styles, às múltiplas sonoridades de artistas como The Weeknd, Tyler The Creator e Jungle. Tudo isso para apresentar os muitos lados de Valuá, uma banda que não se limita a rótulos, como uma inegável vocação brasileira e, principalmente, carioca.

“O álbum ‘Insônia’ é uma desconstrução do que a banda era e um renascimento de uma nova Valuá. Representa para nós o início de uma nova fase onde realmente queríamos estar – no agora. O álbum em si capta todo o tipo de influências pelas quais passamos – sejam musicais ou não – e transmite uma atmosfera noturna de vivências e sentimentos”, reflete Rodrigo.

Partindo da vontade de narrar os pontos altos e baixos de uma madrugada, o trio cria uma sucessão de eventos que se iniciam ainda em “VLÁ (Intro)”, passa pela empolgação de início de noite de “Veneno” e “Mais perto”, continua com o flerte de “Sinais”, levando à desilusão e incertezas de “Dança”. Por fim, o interlúdio “Noite adentro” convida a uma viagem interna completa pelas três últimas faixas – “Truques”, “Toda vez” e “Nostalgia” -, um arco que vai da decepção à nostalgia do fim de noite e de relacionamento.

“O conceito do álbum é inspirado nas noites, nos amigos, em vivências e relações – principalmente desilusões amorosas. Construímos o disco pensando no começo de uma noite, com toda a excitação e expectativa e terminando no amanhecer, com  melancolia, passando, no meio desse processo, por toda uma experiência da realidade noturna que vivemos”, completa.

Além de mostrar a própria personalidade, Valuá se uniu aos convidados para trazer novos tons e cores ao trabalho. Em “Veneno”, Potyguara Bardo, artista de Natal (RN), mostra porque se tornou um dos nomes mais incensados do cenário independente nacional. Seu primeiro álbum, “Simulacre”, atesta sua versatilidade, que reúne influências de house music, reggae e lambada em uma roupagem pop. A drag queen é personagem do também ator e compositor José Aquilino.

Já “Mais perto” traz a participação do guitarrista Tomás Tróia. Além de integrar a banda El Efecto, ele acompanha nos palcos nomes como Duda Beat, Castello Branco, Izenzee e ainda divide um projeto autoral com Lux Ferreira. Por fim, a cantora Rebeca surge em “Truques”.

“Insônia” reuniu ainda uma gama de outros colaboradores da banda, como Julio Santa Cecília, Pedro Garcia e Bernardo Ibeas. O álbum já está disponível para audição nas principais plataformas de streaming.

 

Ficha técnica

 

  1. INTRO:

– Músicos:
Teclados: Carlo Aquino; Gabriel Leite, Julio Santa Cecília
– Produtores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Pedro Garcia
– Compositores: Carlo Aquino; Gabriel Leite

 

  1. VENENO

Rodrigo Reis, Carlo Aquino, Gabriel Leite, Be Ibeas.
Produção : Pedro Garcia, Gabriel Leite, Carlo Aquino.

 

  1. MAIS PERTO

– Músicos: Teclados: Tomás Tróia; Guitarra: Bernardo Ibeas; Tomás Tróia; Baixo: Carlo Aquino; Bateria: Gabriel Leite; Percussões: Tomás Tróia; Voz: Rodrigo Reis
– Produtores: Tomás Tróia
– Compositores: Bernardo Ibeas; Carlo Aquino; Gabriel Leite; Rodrigo Reis

 

  1. SINAIS:

– Músicos:  Teclados: Bernardo Ibeas; Carlo Aquino; Gabriel Leite, Julio Santa Cecília; Guitarras: Carlo Aquino; Baixo: Carlo Aquino; Bateria: Gabriel Leite; Percussões: Gabriel Leite; Voz: Rodrigo Reis; Backing Vocal: Gabriel Leite
– Produtores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Pedro Garcia
– Compositores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Rodrigo Reis

 

  1. DANÇA:

– Músicos: Teclados: Bernardo Ibeas; Carlo Aquino; Gabriel Leite, Julio Santa Cecília; Guitarras: Carlo Aquino; Baixo: Carlo Aquino; Bateria: Gabriel Leite; Percussões: Gabriel Leite; Voz: Rodrigo Reis
– Produtores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Pedro Garcia
– Compositores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Rodrigo Reis

 

  1. NOITE ADENTRO

– Músicos: Teclados: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Julio Santa Cecília; Baixo: Carlo Aquino; Bateria: Gabriel Leite; Percussões: Gabriel Leite
– Produtores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Pedro Garcia
– Compositores: Carlo Aquino; Gabriel Leite;

 

  1. TRUQUES

– Músicos: Teclados: Carlo Aquino; Gabriel Leite, Julio Santa Cecília; Guitarras: Carlo Aquino; Violões: Carlo Aquino; Baixo: Carlo Aquino; Bateria: Gabriel Leite; Percussões: Gabriel Leite; Voz: Rodrigo Reis; Rebeca Sauwen
– Produtores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Pedro Garcia
– Compositores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Rodrigo Reis

 

  1. JOGUIN

– Músicos: Teclados: Carlo Aquino; Gabriel Leite, Julio Santa Cecília; Violões: Carlo Aquino; Baixo: Carlo Aquino; Bateria: Gabriel Leite; Percussões: Gabriel Leite; Voz: Rodrigo Reis
– Produtores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Pedro Garcia
– Compositores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Rodrigo Reis

 

  1. NOSTALGIA

– Músicos: Teclados: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Julio Santa Cecília; Guitarra: Carlo Aquino; Baixo: Carlo Aquino; Bateria: Gabriel Leite; Percussões: Gabriel Leite; Voz: Rodrigo Reis
– Produtores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Pedro Garcia
– Compositores: Carlo Aquino; Gabriel Leite; Rodrigo Reis

Deixe sua opinião