John Grisham, George R.R. Martin e outros escritores entram em ação coletiva contra OpenAI

John Grisham, George R.R. Martin e outros escritores entram em ação coletiva contra OpenAI – Ambrosia

The Authors Guild, John Grisham, George R.R. Martin, Michael Connelly, Jodi Picoult e um grupo de outros escritores de ficção famosos entraram com uma ação coletiva contra a OpenAI, alegando que sua tecnologia está infringindo suas obras.

Este é somente o mais recente processo para contestar o uso de obras protegidas por direitos autorais pela IA como “dados de treinamento” para seu sistema.

Na reclamação, os autores afirmam que a OpenAI copiou seus trabalhos “no atacado, sem permissão ou consideração”. Os demandantes afirmam que a empresa inseriu seus trabalhos em grandes modelos de linguagem, “algoritmos projetados para gerar respostas de texto com aparência humana às solicitações e consultas dos usuários”.

“A IA generativa é um vasto campo novo para a exploração de longa data de fornecedores de conteúdo no Vale do Silício. Os autores devem ter o direito de decidir quando os seus trabalhos serão utilizados para «treinar» a IA. Se optarem por participar, deverão ser devidamente compensados”, disse o autor Jonathan Franzen em comunicado. Leia a reclamação.

Outros demandantes autores no caso incluem David Baldacci, Mary Bly, Sylvia Day, Elin Hilderbrand, Christina Baker Kline, Maya Shanbhag Lang, Victor LaValle, Douglas Preston, Roxana Robinson, George Saunders, Scott Turow e Rachel Vail.

De acordo com o processo, quando solicitado, o ChatGPT da OpenAI “gerou com precisão resumos” das obras de Grisham, The Chamber, The Client e The Firm, bem como um esboço detalhado e não autorizado da próxima edição de The King of Torts. O ChatGPT “não poderia ter gerado o material” se ele “não tivesse sido ingerido e ‘treinado’” nas obras de Grisham, afirmou o processo.

A ação busca certificação de classe, uma liminar proibindo suas obras de serem usadas em grandes modelos de linguagem sem autorização, danos reais não especificados e, em alternativa, danos legais de até US$ 150.000 por obra violada.

Em julho, Sarah Silverman e dois outros autores processaram a OpenAI e a Meta por violação de direitos autorais. Barry Diller disse que também está organizando editores para uma ação coletiva.

Em comunicado, Terrence Hart, conselheiro geral da Association of American Publishers, disse sobre o último litígio: “Concordamos que o uso não autorizado de obras literárias por desenvolvedores de IA apresenta sérias questões jurídicas que não podem ser simplesmente descartadas com afirmações de que a tecnologia é ‘inovador’. Inovador para quem? A que custo? Sob quais regras? Acompanharemos o processo de perto.”

Total
0
Links
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ant
Sofia Vergara é chefe do tráfico em teaser de Griselda
Sofia Vergara é chefe do tráfico em teaser de Griselda – Ambrosia

Sofia Vergara é chefe do tráfico em teaser de Griselda

A Netflix divulgou hoje (21) o primeiro teaser trailer da minissérie Griselda,

Prox
Clube dos Vândalos com Tom Hardy e Austin Butler ganha trailer
Clube dos Vândalos com Tom Hardy e Austin Butler ganha trailer – Ambrosia

Clube dos Vândalos com Tom Hardy e Austin Butler ganha trailer

Clube dos Vândalos trouxe seu primeiro trailer que mostra a gangue de

Sugestões para você: