Scott Snyder, Stephen King e Rafael Albuquerque juntos em American Vampire

4
3

Um dos artigos mais debatidos do último ano foi  a crítica de Stephen King sobre Stephenie Meyer – autora da Saga Crepúsculo. Felizmente de toda repercussão da polêmica gerada entre os fãs de vampiros e terror, o melhor resultado é “American Vampire” (Vampiro Americano), a resposta de King a todos que clamaram que ele fizesse algo melhor em vez de apenas criticar. Inusitadamente American Vampire não é mais um romance para a lista de best sellers do escritor, mas uma nova série em quadrinhos pela editora Vertigo 😀

Inicialmente Stephen King vai escrever os cinco primeiros números junto do idealizador da série, Scott Snyder, que assume a mensal a partir da sexta edição. Na arte e capa ninguém menos que Rafael Albuquerque, que além de participar da bacanuda Encore/Powertrio/Cabaré, também recebeu destaque recentemente no mercado americano com Superman/Batman e Nomad. Sem dúvida uma equipe de primeira, mas e quanto ao mote de American Vampire?

Snyder e King prometem levar os vampiros de volta ao terror com a história do primeiro vampiro nascido nos Estados Unidos. Scott Snyder construiu um universo onde os vampiros sofreram novas mutações ao longo dos séculos, porém, como são criaturas imortais, as diferentes espécies de vampiros convivem em paralelo no mundo moderno. Nestas cinco primeiras edições, Stephen King conta o segundo nascimento de Skinner Sweet, um fugitivo no velho oeste que torna-se o primeiro vampiro americano e o primeiro vampiro com resistência a luz do sol. Em paralelo, Scott Snyder desenvolve a origem de Pearl como a primeira vampira de Sweet, uma jovem que possui quatro empregos na otimista década de XX.

Os dois primeiros arcos se desenrolam paralelamente com 16 páginas cada nas cinco primeiras edições, assim coube a Rafael Albuquerque trabalhar com duas paletas de cores para diferenciar não somente as épocas distintas, mas também o trabalho dos escritores da série. Abaixo as imagens do trabalho de Rafael divulgadas pela DC, resta esperarmos agora por uma prévia e pelo lançamento da série, que acontece em março deste ano.

Sal
WRITTEN BY

Sal

on drums

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 thoughts on “Scott Snyder, Stephen King e Rafael Albuquerque juntos em American Vampire

  1. Vampiros, Faroeste? É King chutando bundas! Chora Pattinson (mas longe do sol, para não "brilhar", hehehe).

  2. Parece promissor… ainda mais com o toque particular de King, do qual sou fã confesso.
    Vertigo rules!!!!!!

    PS.
    Agora só falta alguma fangirl de Crepúsculo criticar o cara…

  3. Álvaro Guedes ·
    o Robert Pattison é um otimo ator fora do crepusculo é claro

    Agora só falta alguma fangirl de Crepúsculo criticar o cara…

    assim como ele criticou a autora do crepusculo e puxou o saco da do harry potter pra vender os livrinhos dele
    engraçado que quando alguém critica o suposto gênio não pode né agora… quando ele que critica os outros só para divulgar seus livros porcaria pode né ( só pra terminar não gosto de crepusculo antes que alguém me atire uma pedra porque virou ModaOdiar o Tal Crepusculo )
    Stephen King + Crepusculo = Lixo.