em ,

O cantor Rugles lança “Então Volta”, pagode romântico e envolvente

“Então Volta” mostra um lado mais romântico de Rugles. A canção, mais uma do seu DVD, tem um ritmo envolvente e traz uma letra que fica fácil na memória.

O cantor Rugles lança “Então Volta”, pagode romântico e envolvente | Música | Revista Ambrosia

Um recado amoroso que muitos gostariam de enviar à pessoa amada. A canção vem depois dos lançamentos de “Diz que dá”, feat Anderson Leonardo (Molejo) e “Nega Sarará”.

No clipe, Rugles demonstra todo o seu carisma e gingado, combinando interpretação e alegria na dose certa. “Então Volta” tem tudo para se tornar um hit que vai fazer parte da playlist de muitas histórias de amor.

Os profissionais atuantes no single foram: produção musical: Anderson Leonardo. Arranjos: Marquinhos dos Santos/Pedro Santos/Dinho Daumas/ Éverton César. Bateria: Jimmy. Baixo: Luiz Gomes. Teclado: Edu Oliveira. Metais: Poggy/Jorginho. Violão e guitarra: Éverton César. Cavaco e violão: Dinho Daumas. Coro: Juan Victor/Débora Cruz/Eddy Flash. Pandeiro: Robson Calazans. Tan tan: Bruno Santos. Surdo: Thiago (Kukinha). Congas e efeitos: Pablinho.

Para o videoclipe, atuaram: produção geral: Andréia Cabral. Produção artística: Mônica Silva. Gravação: Century. Produtor técnico: Felipe Gomes. Técnico de monitor: Alex Rodrigues. Técnico de captação: Sandro Rangel. Round: Rafael Lima/Alexandre (Gigante). Técnico de iluminação: Douglas Porcott. Direção e edição de vídeo: Ramom Samagaio. Teleprompter: Yasmim Monteiro. Mixagem e masterização: Gabriel Vasconcelos. Fotógrafo: Paulo Thomaz.

Rugles é natural de Uberlândia (MG). Aos nove anos, foi percussionista da banda mirim “Pedágio”. Aos 15, integrou a banda “Erus” percorrendo em turnês os estados do Pará, Tocantins e Maranhão. Internacionalmente, passou pelo México e Portugal.

Depois de passar pelo grupo “Negretes”, abrindo shows de artistas como, Exaltasamba, Pixote, Jeito Moleque, Raça Negra e outros, ele sai em carreira solo, quando participa de shows de artistas consagrados como, Grupo Molejo, Mumuzinho, Swing & Simpatia, Gustavo Lins, entre outros. Em 2015, Rugles recebe o convite para fazer parte da equipe do “Grupo Molejo”.  Gravou seu primeiro singleUm Espelho para Mim” com a participação do grupo “Swing e Simpatia”. Depois de participar do projeto da Globo “Jovens Tardes” com o grupo “Lado a Lado”, ele foi convidado para tocar nas Olimpíadas de 2016, no palco principal da arena Via Parque. Hoje, ainda no grupo “Molejo”, Rugles inicia paralelamente seu mais novo projeto audiovisual, gravado na cidade do Rio de Janeiro, com a participação de Anderson Leonardo (Molejo), do cantor e compositor Délcio Luiz e da cantora amazonense Vanessa Auzier.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

#Lançamento'22 Circuito Ambrosia