em

“Sweet Tooth: Saindo da Mata” é interessante, mas não empolga

Sweet Tooth – Depois do Apocalipse” é outra série com selo Vertigo despontando no país, um forte indicativo do bom momento da Panini Comics com os leitores brasileiros que desejam ler quadrinhos fora da esfera super-heróis. Porém, e tudo na vida possui um porém, com maior variedade vêm a queda de qualidade.

Saindo da Mata” reúne as cinco primeiras edições de Sweet Tooth, série pós-apocaliptica do canadense Jeff Lemire que busca um gancho (não muito) diferente de outras aventuras do gênero. Na trama, um episódio conhecido como Flagelo causou um cataclisma na humanidade, reduzindo a população global a uma mera fração que agora luta por sobrevivência seguindo a lei do mais forte – a típica cartilha das obras pós-apocalíticas. Porém, ainda sem qualquer explicação, das cinzas do paraíso surge uma nova espécie de híbridos que misturam humanos com características animais.

Gus, ou Sweet Tooth como fica conhecido graças ao seu apetite por doces, é um garoto com algumas características de cervo que vivia com seu pai numa floresta sem contato com o mundo exterior. Eis que o pai de Gus morre e o garoto, levado pela curiosidade inerente da ‘nossa espécie’, resolve sair pelo mundo e acaba encontrando encrenca depois de encrenca, inclusive ao ser resgatado por um lobo solitário chamado Jepperd, que por sua vez promete levar o garoto a terra prometida dos híbridos.

SWEET TOOTH: SAINDO DA MATA

A abertura de Sweet Tooth é bem legal e bastante similar com a abertura do filme Hannah, que foi lançado posteriormente. Já a arte de Jeff Lemire consegue variar de bem interessante para ruim, acabando por influenciar pouco na impressão final deste primeiro arco. Coincidentemente este é o mesmo resultado ao terminar de ler o arco, pois Sweet Tooth acaba por ser legal, mas não empolga da mesma maneira que Fábulas, ou Y – O Último Homem, ficando em outros exemplos Vertigo.

Mesmo assim vale recomendar a edição, já que a Panini lançou o encadernado com um preço bem camarada (R$ 15,90) para atrair leitores Vertigo.

Participe com sua opinião!

Ímpar

Publicado por Salvador Camino

ModeradorVerificadoPromotor(a)EscritorGamerRepórterMusicistaFotógrafo

Conheça o belo adventure russo “The Kite”

Black Sabbath libera vídeo dos bastidores de 13