em

Guilhermo Del Toro fala um pouco sobre O Hobbit

Durante uma palestra organizada pela New Yorker na Associação dos Diretores dos EUA em Manhattan, Guillermo del Toro falou sobre sua adaptação da obra literária de J.R.R. TolkienO Hobbit.

O cineasta disse que teve que se disciplinar para escrever o roteiro do filme pelas manhãs e as tardes reservou para leituras e sessões de documentários, que pra ele influenciarão o filme – assim como influenciaram Tolkien. “Por exemplo, tenho visto muitos documentários da Primeira Guerra Mundial. Parece estranho, mas acho que O Hobbit é um livro nascido das experiências da geração de Tolkien com a guerra, os campos de batalha e a decepção de ver o colapso de valores. Peter Jackson entende isso e tem verdadeira obsessão pelo período, ele coleciona aviões, tanques, canhões… até navios! Ele tem reproduções de uniformes de época para cerca de 120 soldados… cada exército! Então perguntei a ele quais filmes assistir, porque não quero ficar vendo filmes antigos de fantasia. Preciso encontrar minha própria maneira de contar a história”.

E ainda falou um pouco sobre seu facínio pelo dragão Smaug. “É um símbolo poderoso e no contexto de O Hobbit ele é usado para lançar uma sombra sobre a narrativa toda. Essencialmente, Smaug representa muitas coisas… orgulho, ganância… ele é O Magnífico, afinal. É o design mais difícil do filme, temos que esgotar todas as possibilidades antes de fechar em uma opção”.

As filmagens dos dois filmes devem começar no início de 2009, simultaneamente. O primeiro está agendado para 2010 e o segundo para 2011. Cada filme tem Produção de Peter Jackson e orçamento previsto de 150 Milhões de Dólares.

O que eu acho? “My preciousssssssssssssss!”

Lam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

3 Comments

Ativista

Publicado por Lam

Kevin Spacey voltará como Lex Luthor

Jornada nas Estrelas se prepara para o impacto!