em

Ferreiro de Boosco Maior

O Ferreiro de Boosco Maior é uma tradução não oficial feita por Tiago Vieira Perretto que adorou o conto original Smith of Wooton Major e resolveu trazer para nossa língua essa maravilhosa história de Tolkien.

Confesso a vocês que ler Tolkien para mim sempre foi uma mistura de amor e ódio.  Senhor dos Anéis não foi uma boa experiência, em contrapartida O Hobbit foi uma surpresa muito bem vinda.  Não é a toa que estou acompanhando de perto notícias a adaptação que está sendo feita e podem ter certeza que qualquer novidade divulgarei por aqui no Ambrosia.

Ler o Ferreiro de Boosco Maior foi para mim uma experiência tão agradável como ler O Hobbit. Uma leitura tranquila e rápida (30 páginas) que começa quando conhecemos a vila de Boosco Maior e sua incrível tradição na culinária. Em todas as grandes festas da vila fica clara a importância do Mestre-Cuca – uma profissão de muito orgulho e honra nesse local – que tinha a responsabilidade de preparar pratos belos e apetitosos para todas as pessoas da vila ou para um seleto grupo de convidados, de acordo com a festa.

Na história acompanhamos as aventuras de um garoto que teve sua vida mudada após uma dessas festas especiais, aonde por acaso (ou nem tanto assim…) entra em contato com algo que vem do misterioso mundo das fadas. Ele passa a ser capaz de caminhar por esse misterioso lugar e o que acontece após isso está cheio de surpresas, aventuras e um presente que precisa ser repassado para uma próxima geração.

Não vou entrar em mais detalhes, para os interessados é só fazer download do texto que está sendo disponibilizado via 4Share no link abaixo:

http://www.4shared.com/file/201526068/b833199/Ferreiro_de_Boosco_Maior.html

Existe também uma promoção no site que inicialmente divulgou a tradução, para aqueles que jogam RPG, vale a pena participar. E não esqueçam de comentar o que acharam do texto nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *