em ,

Inspirada por caos político, Smashing Dreams lança “Guillotine”

Unindo o peso de uma performance ao vivo com clima de bootleg em cenas de protestos, a Smashing Dreams lança o visual de sua mais impactante faixa até agora: “Guillotine”. Destaque da nova cena de rock paulistana, a banda denuncia o avanço da extrema-direita em faixa inspirada pelo caos político brasileiro.

Criada em 2016 por Victor Dehé (voz e guitarra), Daniel Stunges (guitarra) e Lucas Ribeiro (bateria), Smashing Dreams traz em suas canções uma forte postura iconoclasta e niilista e une o alternativo com o heavy rock trabalhando texturas em sua sonoridade – que estilisticamente não conta com baixo em sua formação. “Guillotine” foi composta após o céu de São Paulo escurecer devido às queimadas da Amazônia. Aquilo acendeu um alerta nos músicos, como se fosse de uma mensagem que não pudesse ser esquecida.

“Eu quis que o clipe se parecesse com uma fita VHS antiga, em que havia um clipe de banda e alguém gravou algumas outras coisas em cima sem querer. Nisso a gente vê cenas de florestas pegando fogo e multidões enfrentando a polícia/governo. Pensei na estética de fita antiga pois a História se repete e a cadela do fascismo está sempre no cio, como é dito no refrão da música”, conta Daniel.

Em 2017, a Smashing Dreams teve o single “A Spade is a spade” como parte da coletânea Underground Voices da Fusa Records. No fim do ano seguinte, eles lançaram seu disco de estreia, homônimo. Desse trabalho, a música “Looks Real” figurou na programação da rádio 89 FM.

Desde então, a banda fez diversos shows promovendo o álbum, inclusive dividindo palco com artistas como Dead Fish, Claustrofobia, Garage Fuzz e Dance of Days. Para o futuro, a Smashing Dreams planeja novas turnês e lançará, durante o ano de 2020, uma série de singles, começando por “Guillotine”.

 
Ficha Técnica:
Daniel Stunges (guitarra)
Victor Dehé (voz e guitarra)
Lucas Ribeiro (bateria)
Bateria gravada no estúdio Da Pá Virada.
Técnico da gravação: Thiago “Big” Rabello.
Assistente: Fred Pacheco
Mixagem: Thiago “Big” Rabello
Masterização: Maurício Gargel
Captação e edição: Dirso Barelli
Roteiro: Daniel Stunges

Deixe sua opinião

Ellefante participa da Home Sweet Sessions com Julie Neff

Confira os vencedores do BAFTA 2020, o ‘Oscar britânico’