Neil Gaiman, autor de “Sandman”, é acusado de agressão sexual por duas mulheres

39
0

Uma reportagem recente publicada pelo Tortoise Media trouxe à tona alegações de agressão sexual contra o renomado autor Neil Gaiman, autor da série em quadrinhos Sandman e outros livros fantásticos. As acusações foram feitas por duas mulheres, Scarlett (23 anos) e K (18 anos).

De acordo com o relato de Scarlett, ela teria sido agredida sexualmente por Gaiman em fevereiro de 2022, na casa do autor na Nova Zelândia. Scarlett trabalhava como babá dos filhos de Gaiman na época. Embora o relacionamento entre eles tenha sido consensual, ela alega que o autor a tratou de forma “bruta e degradante” durante os atos sexuais. A reportagem do Tortoise Media afirma ter recolhido mensagens, notas e conversas com amigos de Scarlett para corroborar suas alegações.

Já K alega ter tido um relacionamento romântico com Gaiman quando tinha 20 anos e ele cerca de 40 anos. Segundo ela, o sexo foi violento e doloroso, e ela não o desejava nem gostava dele.

A defesa de Neil Gaiman negou ambas as acusações, afirmando que todas as relações foram consensuais. A polícia da Nova Zelândia registrou o caso relatado por Scarlett, enquanto a alegação de K não envolveu as autoridades.

Neil Gaiman, conhecido principalmente pela série de quadrinhos “Sandman”, enfrenta agora essas acusações, que podem impactar sua carreira e reputação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *