em

O retorno da Miskatonic River Press

Em 2008, o escritor Keith “Doc” Herber fundou a Miskatonic River Press com o objetivo de publicar suplementos para Call of Cthulhu e obras de ficção referentes aos Mythos de Cthulhu. Sua estréia no mercado editorial ocorreu com uma nova edição da antologia de horror Dead But Dreaming e o suplemento de aventuras New Tales of the Miskatonic Valley, além do anúncio de lançamentos promissores para os próximos meses.

O futuro da editora foi posto em xeque quando, no último dia 13 de março, Herber faleceu. Sua forte ligação com a editora foi evidenciada pelo e-mail oficial aos fãs informando sua morte, cujo remetente era nada mais, nada menos, que… o próprio Keith Herber. Em 19 de março, as atividades foram suspensas pelo novo presidente e editor administrativo, Tom Lynch.

Após um hiato de mais de três meses, a Miskatonic River Press retomou sua atividades, sendo o andamento de seus projetos comentado por Tom Lynch no fórum Yog-Sothoth ainda no começo de julho. Já disponível para pré-venda, Our Ladies of Sorrow – cuja sinopse você confere abaixo – está recebendo os últimos retoques:

Our Ladies of Sorrow

Nesta campanha contemporânea de horror sobrenatural, os investigadores encontram As Mágoas – antigas deusas da aflição, loucura e morte que, em sua multiplicidade de formas, têm atormentado o homem desde que ele começou a sonhar.

Estes cenários extensos combinam elementos de histórias de fantasmas e mitologia, enfatizando a atmosfera sutil de horror e terror em um nível muito pessoal. Enquanto descobrem os muitos disfarces de seus inimigos, os próprios investigadores cairão presas d’As Mágoas, culminando numa terrível escolha que poderia salvar suas vidas… mas deixá-los eternamente assombrados por seu sacrifício repugnante.

Escrita por Kevin Ross (Kingsport: The City in the Mists, Escape from Innsmouth, Sacraments of Evil, Dead But Dreaming) e ilustrada por Jason C. Eckhardt (Kingsport: The City in the Mists, Escape from Innsmouth, Necronomicon Press), Our Ladies of Sorrow inclui três cenários extensos, um cenário epílogo, vários apêndices e auxílios para jogo.

É possível que ainda esse ano tenhamos a antologia de contos Dead But Dreaming 2. Já os suplementos para Call of Cthulhu estão previstos para 2010, começando em janeiro, com os cenários ambientados na década de 1920 presentes no More Adventures in Arkham Country e a campanha para Cthulhu Invictus, The Legacy of Arrius Lurc, em meados de março. The Outer Gods, antologia com quatro cenários independentes baseados em Azathoth, Yog-Sothoth, Shub-Niggurath ou Nyarlathotep cada, assim como o cenário Thrice Damned Dunbriar, para Cthulhu Dark Ages, ainda não têm previsão de lançamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 Comentários

    • Nem me fale…Estava todo ansioso pelo lançamento desse livro, especialmente porque uma das inspirações seria a trilogia de Dario Argento – Suspiria, Inferno e Mother of Tears – além de aventuras contemporâneas não serem lá o forte da Chaosium. E eis que um dia, abro meu e-mail e…dou de cara com uma mensagem do recém-falecido Keith Herber! Algum tempo depois veio uma outra pedindo desculpas por não terem alterado o nome do remetente antes de enviar, mas o clima nos dias seguintes foi de incerteza, com direito a Tom Lynch desabafando no fórum da Yog-Sothoth que não via como dar continuidade à empreitada iniciada pelo amigo…

      Felizmente o tempo passou e temos aí mais um editora para Call of Cthulhu, provando mais do que nunca que “Os Antigos foram, os Antigos são e os Antigos serão” 😉