“Fragmentado” (Split, EUA/2017), o novo filme de M.Night Shyamalan, pode ser considerado facilmente um dos mais inspirados dos últimos anos. Toda a tensão vivida por três adolescentes sequestradas por um homem (James McAvoy) que tem múltiplas personalidades é criada de maneira orgânica e muito inteligente.

O grande acerto do longa são os trejeitos de McAvoy, que demonstra todas as suas nuances de atuação ao fazer a transição dos personagens, e mesmo de sentimentos, numa mesma tomada. O efeito surtido é fantástico. O trabalho de composição de cada personalidade, no qual podemos perceber a partir de um único olhar, somado à fotografia do filme que muda a paleta das cores em cada transição, torna o filme sublime. É uma atuação perfeita e se fosse lançado alguns meses antes, ele não só estaria concorrendo, como seria o favorito em todas as premiações.

O trabalho de Anya Taylor-Joy (de A Bruxa) como Claire, a personagem que mais interage com McAvoy também é excelente. O roteiro trabalha as camadas que a atriz vai percorrendo ao longo da fita, e nos mostra essa construção gradual, mostrando pequenos flashbacks que são fundamentais para a trama.

A excelência de Shaymalan no roteiro e na direção são demonstrados durante todo o processo. Seus filmes anteriores são referendados e ajudam a abrir mais estratos do que o filme propõe. Embora o cineasta tenha alguns tropeços recentes, sua carreira é muito acima da media que muitos diretores queridinhos de Hollywood que são indicados ao Oscar.

“Fragmentado” é um filme deve ser visto, revisto e discutido. Infelizmente muitas dos pontos que geram debates não podem ser discorridos aqui nesse texto, para evitar spoilers. A proposta do final do filme é digna de admiração e de espanto, mas quem acompanha a filmografia de Shyamalan pode poder pescar essa ideia. E acredite, o filme te envolve tanto que você pode nem perceber e quando acontece, vira catártico. Esse já é sem duvida, um dos melhores filmes do ano.

Filme: “Fragmentado” (Split)
Direção: M. Night Shyamalan
Elenco: James McAvoy, Anya Taylor-Joy, Betty Buckley
Gênero: Suspense
País: EUA
Ano de produção: 2017
Distribuidora: Universal Pictures
Duração: 1h 57min
Classificação: 14 anos