Ambrosia Filmes Christopher Nolan, Tarantino e um pouco mais do que rolou na Comic-Con

Christopher Nolan, Tarantino e um pouco mais do que rolou na Comic-Con

Há muito que a Comic-Con deixou de ser apenas uma feira de gibis. O evento hoje se tornou uma Meca nerd onde tudo é anunciado e comercializado, de merchandising, colecionáveis, passando até mesmo pelos outrora donos da festa os gibis. Mas, sem dúvida, as atrações que fazem milhares de fãs viajarem de diversas partes dos EUA e do mundo para a cidade de San Diego na Califórnia são os painéis de filmes e séries, com a presença de diretores e atores. Este ano, além dos super concorridos painéis de “Game of Thrones”, “The Walking Dead”, “Batman V Superman” e “Marvel”, houve também a divulgação oficial dos novos projetos de Christopher Nolan e Quentin Tarantino.
Pouco se sabe a respeito de “Interstellar”, o primeiro filme do diretor inglês desde a conclusão de sua trilogia do Cavaleiro das Trevas. Ainda não é possível detalhar o que virá, mas, o que foi mostrado no salão H foi o suficiente para deixar o público ávido pela estreia em novembro. Como já é tradição em sua filmografia, Nolan usou câmeras IMAX. “Eu precisava da maior tela possível”, disse o cineasta, explicando a sua insistência com o formato. E continuou: “Eu cresci em uma época em que ser um astronauta foi a maior ambição de qualquer criança. A idéia de que nós continuaríamos explorando o espaço parecia uma inevitabilidade.” O que se depreende do trailer exibido foi que o personagem de Mathew McConaughey (também presente no painel), pai viúvo de dois filhos embarca em uma missão espacial, mas parece que há também uma quebra na barreira do tempo. Nolan disse que Stanley Kubrick foi uma das influências para o filme. De fato, há um que de “2001: Uma Odisseia No Espaço”, que parece ser a referência mor de onze entre dez sci-fis feitos nos últimos 45 anos.
452809136
Já Quentin Tarantino veio com duas novidades: a primeira é a continuação de sua carreira, “Django Meets Zorro” e o anúncio de que vai dirigir o western “The Hateful Eight”, que teve o roteiro vazado, o que fez o cineasta desistir filmá-lo.“Sim – Nós vamos fazer Hateful Eight”, declarou, após hesitar um pouco, no painel realizado ontem no salão H. As filmagens devem ter início em 2015. Tarantino também falou sobre a possibilidade de dirigir uma ficção científica. “Isso realmente é uma ideia. Por enquanto ainda é uma semente, mas que tende a florescer. Talvez seja a primeira vez que digo ‘É possível’ ao invés de ‘Na verdade, não’. Não seria um filme de naves espaciais, viajar pelo espaço e ir para outros planetas. Seria algo mais presente na Terra, mas com todos os detalhes de uma ficção científica” disse.
DreamWorks Animation Presentation - Comic-Con International 2014
No campo das animações, “Cada Um Na Sua Casa” e “Os Pinguins de Madagascar” foram os destaques no painel da Dreamworks. O primeiro tem um mote que lembra um pouco “Lilo & Stitch” da Disney – com o arco alien cai na terra e se alia a garotinha fofa – e que tem a cantora Rihanna (que não compareceu) como dubladora. Na voz do alienígena Oh está Jim Parsons, o Sheldon Cooper de “The Big Bang Theory”, que arrancou aplausos dos presentes, muitos deles claro, fãs da série. Já o spin off de Madagascar trouxe Benedict Cumberbatch que empresta sua voz ao agente Classified, também muito ovacionado.“Quis tirar os pinguins da zona de conforto e dar a eles uma grande aventura, com novos personagens”, disse o diretor Simon J. Smith. John Malkovich, que dubla o vilão também esteve presente no painel. Também foi apresentada a logomarca da animação “B.O.O: Boureau of Otherwordly Operation”. As três animações do estúdio que serão lançadas em 2015.
2014-comic-con-dreamworks-animation-panel

Participe com sua opinião

Por favor preencha o comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

próxima publicação