Hugh Jackman relembra audição para Wolverine

42
0

Quando pensamos em Hugh Jackman, é difícil dissociá-lo do Wolverine. O ator australiano personificou o mutante dos quadrinhos por 17 anos, mas o que muitos não sabem é que sua jornada como o carcaju invocado não começou de forma tranquila.

Em 2000, quando “X-Men: O Filme” chegou aos cinemas, Jackman era um desconhecido em Hollywood e até mesmo em seu próprio país. Na época, outro ator, Dougray Scott, já havia sido contratado para interpretar Wolverine. No entanto, Scott estava envolvido nas filmagens atrasadas de “Missão: Impossível-2” e enfrentava conflitos com Tom Cruise, que não queria liberá-lo para outra produção.

Russell Crowe, compatriota e já famoso na época, deu um empurrãozinho para que Jackman fosse contratado. Foi o astro de “Gladiador” que passou o telefone do amigo ao diretor de “X-Men”. Foi então que Hugh Jackman entrou em cena. Chamado às pressas para um teste, ele se viu no trailer do diretor Bryan Singer, acompanhado pelo roteirista Tom DeSanto. A experiência foi estranha e desconfortável. DeSanto ficava repetindo: “Baixo… Mais baixo… Mais baixo”. Jackman mal conseguia ouvir a si mesmo e pensava que o roteirista poderia estar se perguntando por que estava testando um ator para um papel que já havia sido escalado. A situação era tensa, mas o destino tinha outros planos.

Apesar das preocupações de alguns membros da equipe de produção sobre sua altura, Jackman se tornou o Wolverine que todos conhecemos. Agora, aos 55 anos, ele está voltando para mais uma aventura como o mutante em “Deadpool & Wolverine”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *