Mami Wata, premiado filme nigeriano, chega ao streaming

42
0

A FILMICCA acaba de anunciar suas estreias de Julho, com lançamentos exclusivos e inéditos. Entre os destaques estão “Mami Wata”, de C.J. “Fiery” Obasi, vencedor do prêmio Especial do Júri para a Direção de Fotografia no Festival de Sundance, que é assinada pela brasileira Lílis Soares, o drama “Music”, de Angela Schanelec, premiado com Melhor Roteiro no Festival de Berlim, e “A Fragilidade do Gelo”, de Anthony Chen, exibido na mostra Un Certain Regard no Festival de Cannes.

MAMI WATA – UM FOLCLORE DO OESTE AFRICANO

A obra “Mami Wata” é o terceiro longa-metragem do talentoso realizador nigeriano C.J. “Fiery” Obasi. Este poderoso folclore do oeste africano recebeu o prêmio Especial do Júri para a Direção de Fotografia, que é assinada brilhantemente pela brasileira Lílis Soares. O filme estreia com exclusividade na FILMICCA no dia 18 de Julho

MAMI WATA é uma divindade adorada pelos habitantes da remota vila de Iyi, na África ocidental. Mama Efe, sua representante, exerce autoridade espiritual na vila, até que a morte de uma criança perturba a paz da comunidade. O poder da divindade passa a ser questionado por aqueles com diferentes ideologias, e Prisca e Zinwe, filhas de Mama Efe, se unem para salvar sua aldeia e restaurar a glória de MAMI WATA em Iyi.

MUSIC – UMA PREMIADA RELEITURA DE ÉDIPO

Livremente inspirado no mito de Édipo, “Music” é o mais recente trabalho da realizadora alemã Angela Schanelec. A obra recebeu o prêmio de Melhor Roteiro no Festival de Berlim, do júri presidido por Kristen Stewart. Estreia exclusivamente no dia 4 de Julho

Após uma noite de tempestade nas montanhas gregas, um jovem é encontrado ferido e um recém-nascido é achado abandonado em um abrigo de pedras. A criança é acolhida e criada por uma família local, Jon cresce sem conhecer a mãe e o pai. Anos depois, após um trágico incidente, Jon é preso e conhece Iro. Os dois formam uma família e mantém uma imediata conexão, principalmente, através da música, que irá, por sua vez, assombrá-los e sustentá-los.

A FRAGILIDADE DO GELO – UM CONTO AMOROSO DE INVERNO

Seleção Oficial do Festival de Cannes, Mostra Un Certain Regard, “A Fragilidade do Gelo” é o novo longa do realizado Anthony Chen. Este sensível drama romântico, segue um incomum triângulo amoroso durante um inverno no Norte da China. Estreia com exclusividade no dia 25 de Julho

Na fria e invernal Yanji, uma cidade na fronteira norte da China, o jovem urbano Haofeng, que visita Xangai, se sente perdido e à deriva. Por acaso, ele faz um passeio guiado por Nana, uma charmosa guia turística que o fascina instantaneamente. Ela o apresenta a Xiao, um simpático, mas frustrado, funcionário de um restaurante. Os três se unem rapidamente em um fim de semana de bebedeira. Confrontando seus traumas individuais, seus desejos congelados lentamente descongelam enquanto eles buscam se libertar de um mundo gelado.

ELLIOT PAGE APRESENTA “UM CAROÇO DE ABACATE”

Com produção executiva de Elliot Page, “Um Caroço de Abacate” é uma história de empoderamento, livre de violência, para nos despertar dias melhores. Este premiado curta de Ary Zara, artista trans, e estrelado pela brasileira Gaya de Medeiros, esteve na shortlist do Oscar de Melhor Curta-metragem deste ano.Estreia dia 12 de Julho

Larissa, uma mulher trans, e Cláudio, um homem cis, se encontram certa noite nas ruas de Lisboa. Duas pessoas, duas realidades, cujas diferenças são afastadas ao dançarem até o amanhecer.

OUTRAS ESTREIAS EXCLUSIVAS & INÉDITAS

Mais três longas inéditos estreiam com exclusividade em Julho.

“Piaffe”, de Ann Oren, segue Eva, que é obrigada a substituir a irmã no trabalho como sonoplasta. Ela encontra dificuldades em criar os sons para um comercial protagonizado por um cavalo, até que um rabo de cavalo começa a crescer em seu corpo. Empoderada por esse rabo de cavalo, ela seduz um botânico e inicia um romance marcado pela relação de submissão. 11 de Julho na FILMICCA

Exibido na Quinzena dos Cineastas, do Festival de Cannes, “Fragmentos da Vida” é uma obra dividida em capítulos e contada através de diferentes perspectivas. O filme de Wei Shujun conta, com um humor agradável, a história de uma equipe cinematográfica, que chega a uma pequena cidade no sul da China para a pré-produção de uma filme. Inicialmente, a história é baseada na premissa de que a vida é monótona e nada acontece em cidades como esta. Mas, para a surpresa da equipe, uma série de eventos imprevistos envolvendo o diretor, o roteirista, a atriz principal e os moradores locais começam a ocorrer. 13 de Julho na FILMICCA

Lim Bee Hwa é uma viúva de meia-idade obcecada por doramas, seriados de drama coreano. Ela vive em Cingapura e, pela primeira vez, viaja para fora do país com destino a Seul. Com a barreira do idioma e em um local totalmente diferente, ela acaba se perdendo e sua jornada se torna uma estrada inesperada de autodescoberta, à medida que ela chega a um acordo com a vida que realmente deseja para si mesma, além de seus papéis de filha, esposa e mãe. Essa é a premissa de “Ajoomma – Uma Viagem Inesquecível”, uma comédia dramática calorosa e divertida. Estreia dia 6 de Julho na FILMICCA

CURTAS PREMIADOS

Além de “Um Caroço de Abacate”, outros 12 curtas premiados estreiam na FILMICCA neste mês. Entre eles estão “Morte ao Biquíni”, uma divertida obra sobre amadurecimento, o poético “O Paraíso Desce à Terra”, a dramédia “Fazendo um Bebê”, o terror “Nude” e o premiado “Verão 200”. Confira no calendário as datas e todos os lançamentos.

NOVA INTERFACE E NOVOS APPS – JÁ DISPONÍVEIS

FILMICCA está de cara nova! Com o compromisso de entregar sempre o melhor para o público, a interface da plataforma foi atualizada na web e nos aplicativos para Android, iPhone, Android TV, Apple TV e Fire TV, com diversas melhorias na navegação para o usuário. Nas próximas semanas, o aplicativo também estará disponível para Smart TVs LG e Samsung, fazendo com que mais pessoas acessem a plataforma com comodidade e assistam no dispositivo que desejarem.


Serviço:

Onde assistir: www.filmicca.com.br ou nos apps para Android, iPhone, iPad, Apple TV, Android TV e Amazon Fire TV. Os apps possuem integração para espelhamento via Chromecast e AirPlay.

Planos de Assinatura: R$ 120,00 no Plano Anual e R$ 19,90 no Plano Mensal.
Passe Anual via Pix por R$ 84,00 até dia 31 de Julho.

Disponível em todo o Brasil.

Em Julho de 2024 na FILMICCA

04/07: Music, de Angela Schanelec (Alemanha, França, Grécia, 2023) – 14 anos

05/07: Morte ao Biquíni, de Justine Gauthier (Canadá, 2023) – 12 anos

05/07: Mahalia Derrete na Chuva, de Carmine Pierre-Dufour e Emilie Mannering (Canadá, 2018) – 14 anos

06/07: Ajoomma – Uma Viagem Inesquecível, de He Shuming (Cingapura, Coreia do Sul, 2022) – 14 anos

11/07: Piaffe, de Ann Oren (Alemanha, 2022) – 16 anos

12/07: Um Caroço de Abacate, de Ary Zara (Portugal, México, 2022) – 14 anos

12/07: Blond Night, de Gabrielle Demers (Canadá, 2022) – 14 anos

12/07: O Paraíso Desce à Terra, de Tebogo Malebogo (África do Sul, 2020) – 14 anos

13/07: Fragmentos da Vida, de Wei Shujun (China, 2021) – 14 anos

18/07: Mami Wata, de C.J. “Fiery” Obasi (Nigéria, França, 2023) – 14 anos

19/07: Não Chore na Mesa de Jantar, de Carol Nguyen (Canadá, 2019) – 14 anos

19/07: Nanitic, de Carol Nguyen (Canadá, 2022) – 14 anos

20/07: Delphine, de Chloé Robichaud (Canadá, 2019) – 14 anos

20/07: Estrela Cadente, de Ariane Louis-Seize (Canadá, 2020) – 14 anos

25/07: A Fragilidade do Gelo, de Anthony Chen (China, Cingapura, EUA, 2023) – 14 anos

26/07: Fazendo um Bebê, de Eric K. Boulianne (Canadá, 2023) – 18 anos

26/07: Nude, de Olivier Labonté LeMoyne (Canadá, 2022) – 18 anos

27/07: Verão 2000, de Virginie Nolin e Laurence Olivier (Canadá, 2023) – 16 anos

27/07: O Patins, de Halima Ouardiri (Canadá, 2023) – 14 anos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *