em ,

Morre o ator Kenny Baker, o R2-D2 da série Star Wars

O ator britânico Kenny Baker, que interpretou o R2-D2 na série Star Wars, faleceu aos 83 anos de idade após um longo período doente. Com apenas 1,12 cm de altura, o ator saltou para a fama em 1977 quando interpretou o robô astuto e com forte personalidade, companheiro de C3PO.

Baker reprisaria o papel em ‘Império Contra-Ataca’ e ‘O Retorno de Jedi’, assim como os três prequels de Star Wars 1999-2005.Também apareceu em outros filmes cultuados na década de 1980, incluindo ‘Os Goonies’, ‘Os Bandidos do Tempo’ e ‘Flash Gordon’.

Sua sobrinha, Abigail Shield, prestou homenagem ao seu tio. Ela disse ao jornal britânico The Guardian: “Era esperado, mas é triste, no entanto. Ele teve uma vida muito longa e realizada. Ele trouxe muita felicidade para as pessoas e nós estaremos comemorando o fato de que era amado em todo o mundo. Estamos todos muito orgulhosos do que ele alcançou em sua vida “.

Baker e o pai de Shield, Ian, cresceram em Birmingham. Ela disse: “Quando ele era criança, ele foi informado que ele provavelmente não sobreviveria a puberdade, já que pessoas diminutas não tinham uma boa expectativa de vida naqueles tempos. “Ele fez muito bem em sua vida. Ele estava muito doente nos últimos anos, de modo que tinha sido esperando por isso. Ele estava sendo cuidado por um de seus sobrinhos, que o encontraram na manhã de sábado. “

Baker conheceu sua esposa Eileen após uma aparição no talk show de Michael Parkinson. Ela escreveu que ela era uma pessoa pequena também e queria conhecê-lo. Logo depois, casaram-se. Ela morreu de epilepsia cerca de 20 anos atrás. “Ele teve problemas com seus pulmões e estava frequentemente em uma cadeira de rodas.Ficou muito mal por muito tempo “, sua sobrinha acrescentou.

“Ele foi convidado para ir para Los Angeles para a estreia do novo Star Wars (O Despertar da Força), mas foi-lhe dito que ele estava doente demais para viajar. Felizmente, ele conseguiu reencontrar George Lucas quando ele veio para Manchester. ” finalizou Abigail. Baker conseguia a façanha de, sem mostrar o rosto, dar expressões ao robô. Uma grande perda para o cinema.

Fontes: The Guardian, MSN UK

Participe com sua opinião!