em

Os Vingadores de Joss Whedon

Com a confirmação pelos sites Deadline e Variety de que Joss Whedon será realmente o diretor do filme dos Vingadores, começa-se a montar o tabuleiro de xadrez em que as peças postas pela Marvel em seus filmes serão montadas.

Os quatro integrantes confirmados do grupo serão Thor, Capitão América, Homem de Ferro e Nick Fury e sua S.H.I.E.L.D. Porém, Kevin Feige, presidente da Marvel Studios, deixou no ar, durante a última San Diego Comic Con, rumores de que o grupo teria ainda alguns personagens, especialmente do universo do Hulk. Ainda assim, os mais cotados são a Viúva Negra (Scarlett Johansson), Hulk (Edward Norton) e Gavião Arqueiro, com Hank Pym (o Gigante ou Homem Formiga) e Janet Van Dyne (a Vespa) correndo por fora.

O maior problema para se trazer o Hulk a bordo é quem irá interpretar Bruce Banner. Edward Norton parece um tanto quanto desgostoso com a idéia de voltar a um filme de heróis e eu não gostaria nem um pouco de ver Eric Bana de volta como Banner.

Whedon, além de diretor, é um fantástico roteirista, tanto de seriados que ele criou como Buffy, Firefly e Dollhouse quanto de quadrinhos, tendo seu ápice na fase fantástica de “Astonishing X-Men” ao lado de John Cassaday e nos “Fugitivos”. Assim, veremos o diretor colocando seus dedos no roteiro escrito por Zakk Penn e mudando alguns aspectos que não lhe agradem.

O diretor do último filme do Hulk, Louis Leterrier, em uma entrevista ao CBM, disse que o futuro da franquia do Hulk depende muito do filme dos Vingadores, afinal, dependendo do direcionamento tomado com o personagem, fatalmente isto iria se refletir no desenvolvimento de um filme em que um monstro sai destruindo tudo e fatalmente os Vingadores seriam chamados para cuidar do assunto.

Óbvio que são meras especulações sobre um futuro filme que sequer tem seu elenco fechado, mas a prova de fogo para o filme todo será a estréia de Capitão América, afinal, sempre foi reconhecido que este personagem é o líder do grupo, aquele que inspira homens e deuses e Chris Evans tem que ser essa pessoa para conseguir passar por cima de Robert Downey Jr. e Chris Hemsworth não nos bastidores, mas sim nas cenas do filme.

Robert Downey Jr. deu uma entrevista ao Comic Book Movie em que ele fala que já foi muito pior de se aturar nos bastidores, mas, que depois que voltou por cima dos seus problemas com as drogas, ele está mais sociável. A tendência é que não haja tantos conflitos de egos entre os atores. Norton é a maior incógnita, afinal, desde meados de 2009 ele tem se esquivado das perguntas sobre sua participação em Vingadores, e quando as respondia, as vezes dava alguma esperança e em outras simplesmente negava a participação.

Talvez o ápice da convocação dos Vingadores se dê na San Diego Comic Con deste ano onde iremos ver com certeza inúmeras novidades de Thor e quem sabe algumas surpresas a respeito do Capitão América e o time dos Vingadores.

O desafio de Whedon é assustador se formos pensar que este tem a expectativa de ser o maior filme baseado em uma história em quadrinhos já feito. Ele tem capacidade para cuidar deste filme, mas a sua equipe de apoio, desde o cinematógrafo até a equipe de som tem que criar um filme grandioso como a equipe pede.

J.R. Dib

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *