Ambrosia Filmes Primeiras resenhas ao Spirit de Frank Miller são piores do que esperávamos

Primeiras resenhas ao Spirit de Frank Miller são piores do que esperávamos

Como já era de se esperar, as primeiras resenhas de “The Spirit” estão saindo na internet e praticamente pegam Frank Miller e o crucificam junto com grande parte do elenco do filme. E eu estou aqui para resumir tudo, mas sem spoilers.

As que se salvaram na grande maioria das resenhas foram Scarlett Johansson (mal usada) e Eva Mendes (mostra o derriere e é melhor do que se esperava). O resto é atacado mortalmente, mesmo Samuel L. Jackson sofre sua quota de ataques por conta do exagero com que interpreta seu Octopus e pelas roupas empregadas em seu vestuário. Não sou lá grande fã da idéia de ver bons atores mal empregados, mas pelo jeito Miller é.

the-spirit

Não vou entrar em detalhes de história e spoilers porque simplesmente eu acho o fim da picada ter que estragar a surpresa de algo que já é ruim.

Os cinco reviews que eu baseei para este artigo sairam no Latino Review, Variety, AICN, Unique Geek e Newsrama.

O grande ponto em comum é a falta de capacidade de Miller em dirigir os atores, bem como escolher melhor cenários e trabalhar o elenco. Isso sem contar no roteiro fraco e sem graça. A parte de direção de arte foi quem mais sofreu ataques em razão deste filme ser especialmente parecido com Sin City, mas, ao mesmo tempo, diferente por ser praticamente uma imagem superficial e falsa deste, sendo que em alguns momentos, a cidade que grita parece um monte de caixas de sapato empilhadas.

É pífio pensar que Frank Miller iria conseguir se doar a um filme de forma que o elenco o adorasse e conseguisse colocar na telona tudo que se espera de atores de peso como Samuel L. Jackson, Eva Mendes, Scarlett Johansson, Paz Vega, etc. Foi simplório demais deixar nas mãos de um cara inexperiente como Frank Miller a direção do filme.

O filme, altamente estilizado, em nada lembra as histórias do Spirit original. Miller, como ele bem gosta de frisar, escreveu o seu Spirit e sinceramente, pelo comentário geral nestas cinco resenhas, seu Spirit é uma porcaria sem fim.

Quando eu falo de algum filme do qual minha expectativa é baixa, normalmente eu me surpreendo com algo, pois, tendo as expectativas baixas, você pode se surpreender se qualquer coisa melhorzinha acontecer na tela. Bem, até mesmo quem entrou com as expectativas baixas disse que não conseguiu ver nada que prestasse no filme, chegando a compará-lo a Battlefield Earth (A Reconquista), um dos piores filmes da história, escrito pelo criador da Cientologia, L. Ron Hubbard e que tinha no elenco John Travolta. Pois bem, um dos comentários disse que Spirit é pior do que aquele filme nojento, horrível e mal feito.

O pior disso tudo é que eu não duvido de nada. Miller têm se mostrado uma pessoa incompetente quando se trata de tratar com respeito qualquer material o qual não foi ele o criador (vide Robocop 3 e o quadrinho Terminator vs. Robocop), agora, mais uma vez, usando-se de seu ego gigantesco, ganhou asas e acabou com um dos mais clássicos heróis dos quadrinhos.

Espero que contratem um diretor para Sin City 2 senão eu terei medo, muito medo.

J.R. Dib

3 Comentários

Participe com sua opinião

Por favor preencha o comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

próxima publicação