em ,

“Wasp Network: Rede de espiões” fica aquém do seu potencial

Penélope Cruz, Edgar Ramírez, Gael García Bernal, Ana de Armas e Wagner Moura estão reunidos em “Wasp Network: Rede de espiões”, filme exclusivo Netflix que prometia se tornar um thriller de espionagem com tempero latino e que ficou no meio do caminho, saindo no final mais uma produção genérica relegada ao esquecimento.

Com elenco estelar com grandes astros da atualidade e uma história baseada em fatos reais bastante incrúvel, é um tanto complicado entender como Wasp Network se saiu tão mal. O filme simplesmente não funciona, falta ritmo!

Em Wasp Network: Rede de Espiões seguimos a vida de diversos agentes cubanos que, durante a década de 1990, foram enviados pelo governo de Cuba para espionar e de grupos radicais ao regime Cubano de Fidel Castro em plena Flórida. Claro que o Tio Sam não ficaria satisfeito!

Com uma montagem e fotografia preguiçosa, a impressão que fica é que o diretor francês Olivier Assayas não estava inspirado ou teve suficiente tempo para transformar “Wasp Network – Rede de espiões” num filme para se lembrar.

“Wasp Network: Rede de espiões” fica aquém do seu potencial
2 / 5 Crítico
Avaliação
Publico (0 votos) {{ reviewsOverall }} / 5
+ Avaliações E aí, o que você achou?
Ordernar por:

Deixe sua nota e participe!

User Avatar User Avatar
Verificado
{{{ review.rating_title }}}
{{{review.rating_comment | nl2br}}}

Show more
{{ pageNumber+1 }}
E aí, o que você achou?

Your browser does not support images upload. Please choose a modern one

Deixe sua opinião