em ,

8 bandas que dominaram as paradas nos anos 90 e caíram no ostracismo

Bandas e artistas que estouram uma canção e caem no ostracismo. A música pop é lotada deles. Afinal, chegar ao topo não é assim tão impossível. O difícil é permanecer. O mais curioso é que esses nomes dominam a cena musical de uma época e, às vezes, o hit até perdura. Mas vem aquela pergunta: quem canta essa música mesmo? Para refrescar a memória, fizemos uma lista de bandas que foram onipresentes nos anos 90, a época do auge da MTV no Brasil, mas hoje poucos lembram.

Skid Row

8 bandas que dominaram as paradas nos anos 90 e caíram no ostracismo | Listas | Revista Ambrosia
No início dos anos 1990 eles eram uma das bandas internacionais mais populares no Brasil. No exterior o Skid Row tinha seu êxito, mas por aqui eles rivalizavam de igual para igual com o Guns N’ Roses pelo posto de maior banda de rock do mundo. Sebastian Bach alçado ao posto de sex symbol, videoclipes com alta rotatividade na MTV. Pouca gente sabe, mas a banda continua até hoje, porém sem Sebastian no vocal. Este segue em carreira solo (se apresentou no Rock In Rio 2013). Haverá chances de uma reunirão como a do Guns? Se depender dos fãs brasileiros é sucesso garantido.
https://www.youtube.com/watch?v=ivFYVAntpw0

EMF

8 bandas que dominaram as paradas nos anos 90 e caíram no ostracismo | Listas | Revista Ambrosia
“You’re unbeliveble!” Esse foi um dos refrões mais ouvidos ali no começo de 1990. E até hoje pode se ouvir em uma festinha nostálgica. Era a banda inglesa EMF, que fazia uma mistura muito comum na época: guitarra com batidas eletrônicas, a tendência no Reino Unido. O hit os trouxe para a edição 92 do Hollywood Rock. Mas acabou mesmo como um one hit wonder. Hoje a música ainda até é conhecida, mas vale um doce para quem lembrar o nome da banda.
https://www.youtube.com/watch?v=77fCbk0YvWw

Jesus Jones

8 bandas que dominaram as paradas nos anos 90 e caíram no ostracismo | Listas | Revista Ambrosia
Outra banda inglesa que casava guitarras com beats. O sucesso veio com o segundo álbum, “Doubt”, impulsionado pelo sucesso ‘Right Here Right Now’, uma música sobre a queda do mundo bipolarizado com queda do Muro de Berlim. Estouraram na mesma época que o EMF e também vieram ao Hollywood Rock de 92.

4 Non Blondes
8 bandas que dominaram as paradas nos anos 90 e caíram no ostracismo | Listas | Revista Ambrosia
Essa até é mais conhecida. O hit ‘What’s Up’ fez parte da trlha sonora da série “Sense 8” (no final do episódio “What’s Going On?”, indagação feita no refrão). A faixa estourou nas rádios em 1993 e se tornou onipresente por meses. O 4 Non Blondes ainda emplacaria mais um single, ‘Spaceman’, mas sem a mesma dimensão. A banda encerrou as atividades em 1995. A curiosidade é a ligação da vocalista Linda Perry com o Brasil. Ela é filha de mãe brasileira. O pai é português. Depois do fim da banda ela se dedicou a compor e produzir músicas para outros artistas, como Pink e Christina Aguilera.

Blind Mellon

8 bandas que dominaram as paradas nos anos 90 e caíram no ostracismo | Listas | Revista Ambrosia
‘No Rain’ é facilmente uma das canções pop rock mais deliciosa dos anos 90. A música será eternamente lembrada pelo seu clipe fofo e ao mesmo tempo deprê que fala sobre ser diferente em uma sociedade padronizada. A faixa é do primeiro disco, que levava apenas o nome da banda. Um bom trabalho, por sinal. No entanto, ficaram conhecidos mesmo apenas por ‘No Rain’. O vocalista Shannon Hoon é lembrado pelos fãs de Guns N’ Roses por sua aparição no clipe de Don’t Cry, em que divide o microfone com Axl Rose no terraço de um prédio. Os dois são conterrâneos. Saíram da cidade de Lafayette, Indiana, rumo a Los Angeles tentar a sorte no rock. Hoon morreu de overdose em 1995. A banda terminou em 1999, retomou as atividades em 2008 e se reuniu mais uma vez em 2010. Seu último trabalho d estúdio é o EP “Deep Cuts”.

Counting Crows

8 bandas que dominaram as paradas nos anos 90 e caíram no ostracismo | Listas | Revista Ambrosia
Sha la, la, la, la, la, la/Oh Uh, huh. Impossível não começar a cantarolar ao ouvir essa introdução. A música ‘Mr. Jones’ toca e é reconhecida até hoje, mas o nome do grupo demora a vir à cabeça. A faixa é do disco “August and Everything After”, de 1993, o debut da banda. Quando lançada foi sucesso absoluto. Suas características são o ritmo irresistível e sua letra completamente sem sentido. O Counting Crows segue em atividade até hoje, mas não passou no “teste do segundo disco”.

Semisonic

8 bandas que dominaram as paradas nos anos 90 e caíram no ostracismo | Listas | Revista Ambrosia
Balada onipresente no final dos anos 90, ‘Closing Time’ é o maior êxito do Semisonic. O trio de Minneapolis formado por Dan Wilson (guitarra/vocal), John Munson (baixo), e Jacob Slichter (bateria) já tinha reconhecimento na cena indie norte-americana. A faixa é do segundo disco, “Feeling Strangely Fine”, de 1998. Os trabalhos anteriores foram um EP (Pleasure, de 1995) e a estreia “Great Divide”, de 1996. Também participou do disco tributo “Saturday Morning Cartoon’s Greatest Hits”, de 1995, no qual bandas alternativas faziam suas versões para temas de desenho animado (dali que saiu aquela versão dos Ramones para Spiderman). No álbum eles gravam com Mary Lou Lord uma versão bacana de ‘Sugar Sugar’ (The Archies’ Show). Depois de encerrar suas atividades em 2006, o Semisonic retornou em 2017 e espera-se outra reunião.

New Radicals

8 bandas que dominaram as paradas nos anos 90 e caíram no ostracismo | Listas | Revista Ambrosia
‘You Get What You Give’ consta facilmente no top 10 das músicas mais chicletes dos anos 90. Os responsáveis são o New Radicals, conjunto de um homem só, Gregg Alexander. A faixa faz parte do único disco lançado pela banda, “Maybe You’ve Been Brainwashed Too”, de 1998. Ainda conseguiram emplacar mais um single, ‘Someday You’ll Know’. Em 2000 Gregg ficou de saco cheio disso tudo e encerrou suas atividades. Mas não se afastou da indústria musical. Gravou e produziu faixas para vários artistas. ‘The Game of Love’, de Santana com Michelle Branch, por exemplo é dele. Ironicamente compôs uma faixa para o Hanson, que foi um dos alvos dele na letra do seu grande hit.

Opiniões

Participe com sua opinião!

Carregando

0